Ministra Luciana Santos visita stand da Fapema na SBPC

O stand da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), na 76ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) tem atraído a atenção dos visitantes com mostras de trabalho científico de pesquisadores maranhenses, lançamento de livros e um pouco da cultura e do turismo do Estado.

Na abertura das atividades, nesta segunda-feira (08), uma das visitas ilustres foi a da ministra de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), Luciana Santos, que foi recebida pelo presidente da Fundação, Nordman Wall. Além de conhecer estudos realizados por pesquisadores maranhenses, a ministra foi presenteada com livros e itens da cultura maranhense como boizinho, matraca e peças de artesanato do Estado. O maior evento de divulgação científica da América Latina, acontece até sábado em Belém do Pará.

Luciana Santos parabenizou o trabalho que tem sido desenvolvido pela Fundação maranhense e pelos pesquisadores do estado. Ela falou sobre a importância da SBPC e destacou a participação da Fundação no evento. “A cada ano a SBPC se supera, por seu potencial de mobilizar a comunidade acadêmica e científica, sobretudo neste momento de retomada da política de ciência e tecnologia. O Maranhão é presença obrigatória nesses eventos. Falei agora com o presidente, Nordman Wall, sobre a importância de todo ecossistema do Maranhão participar, também, da 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CNCTI) em Brasília no próximo dia 30”, destacou a ministra, que estava acompanhada do presidente da SBPC, Renato Janine Ribeiro, do reitor da Universidade Federal do Pará, Emmanuel Zagury Tourinho e da secretária-geral da SBPC, Cláudia Linhares.

Nesta edição, a FAPEMA marca presença de forma significativa como sócia institucional da SBPC, fortalecendo seu compromisso com o avanço científico e tecnológico no estado e também, no país. “No stand da Fundação os visitantes têm oportunidade de conhecer a produção científica do Maranhão e a cultura do nosso estado. Esta edição é especial por estarmos como sócio desta importante entidade para a educação e a ciência no Brasil. A SBPC é o ambiente propício para o debate e a disseminação do conhecimento científico e é um orgulho termos esta representatividade”, pontuou o presidente da FAPEMA, Nordman Wall. Além do presidente, a Fundação está representada pelo diretor Científico da instituição, Cristiano Capovilla e assessores.

O stand da FAPEMA foi montado na ExpoT&C, espaço dedicado à exposição de tecnologia e ciência, onde apresenta diversas pesquisas financiadas pela Fundação, abordando temas com foco na sustentabilidade, saneamento básico, avanços digitais nas áreas rurais, e desenvolvimento social e ambiental, além do lançamento de obras. São estudos de pesquisadores dos IFMA, UFMA, UEMA e Uemasul, entre estes, pesquisa que trata da caracterização morfológica do microplástico em amostras de água do rio Tocantins, em Imperatriz; desenvolvimento social e ambiental no município de Pinheiro; e sustentabilidade e marketing turístico na Baixada Maranhense.


O presidente da SBPC, Renato Janine Ribeiro, pontuou a satisfação com a presença da FAPEMA. “Estamos muito contentes com a associação da FAPEMA e isso confere um grande apoio ao nosso evento. Saudamos o trabalho que a FAPEMA realiza para desenvolver a ciência no Maranhão, e desejamos muito sucesso nessa parceria que temos com a instituição”, frisou. “É uma grande alegria, finalmente, ter a FAPEMA como sócia-institucional, sendo esta fundação uma das mais fiéis acompanhantes das ações da SBPC, há mais de uma década. E, mais uma vez, mostrando sua capacidade e potencial, fazendo o Brasil conhecer a ciência do Maranhão. É um reconhecimento mútuo”, reiterou a secretária-geral da SBPC, Cláudia Linhares.

Ao longo da semana, os projetos em destaque vão mostrar a exploração de novas soluções para questões ambientais, incluindo métodos para o trato com microplásticos e conservação de recursos naturais. Além disso, também estarão no espaço estudos que investigam o impacto do marketing e novas tecnologias no setor turístico, buscando promover inclusão e desenvolvimento econômico nas regiões do estado.

Na SBPC, a instituição vai contribuir para o debate acadêmico e científico, apresentando resultados de pesquisa e fomentando parcerias e colaborações que impulsionem o progresso científico e tecnológico no Maranhão e no país.

Abertura da Programação

A 76ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) teve início na noite de domingo (7), em sessão solene, no Theatro da Paz, Avenida da Paz, Praça da República, sn, Campina, Belém (PA), com presenças de autoridades, cientistas, pesquisadores, estudantes e representantes das entidades de pesquisa.

“A presença da FAPEMA na SBPC mostra a importância da nossa instituição e de seu apoio no incentivo à pesquisa científica no Maranhão e no país. Estamos fortalecendo o conhecimento e a promoção do desenvolvimento sustentável, em diversas áreas estratégicas. A interação com os participantes da SBPC na ExpoT&C vai proporcionar um ambiente enriquecedor de troca de ideias e experiências, consolidando a importância da pesquisa aplicada para o futuro do estado e do país”, conclui Nordman Wall.

Fotos: Divulgação

Seja o primeiro à comentar em "Ministra Luciana Santos visita stand da Fapema na SBPC"