Zé Augusto ‘minimiza’ derrota para o Moto no Brasileirão Série D

É o inquestionável o bom trabalho do técnico Zé Augusto e da atual diretoria do MAC, mas faltou humildade ao treinador atleticano ao falar sobre a derrota para o Moto por 2 a 1, pelo Campeonato Brasileiro Série D.

Aliás é a “falta de humildade” um grande adversário dos times de futebol e consequentemente dos seus comandantes quando não conseguem reconhecer e aceitar uma derrota com a naturalidade necessária, afinal o nome desse esporte é futebol.

Ao conversar com o repórter Wallace Brito, na Rádio Mirante AM, o treinador Zé augusto atribuiu a derrota às defesas do goleiro Djair, do Moto, falhas na finalização e complementou: o adversário foi duas vezes ao ataque e fez dois gols.

“Foram dois tempos distintos e o adversário foi lá duas vezes e colocou a bola para dentro, enquanto a gente não colocou. Acho que isso não dá margem para a gente desconfiar de muita coisa do nosso time, porque é um clássico. No clássico, nem sempre o melhor vence, e esse é o primeiro que a gente perde no ano. Nós mostramos uma contundência maior, um toque de bola melhor, mas não ganhamos…”

De fato o Maranhão foi melhor no primeiro tempo e poderia ter feito uma vantagem maior, mas o goleiro do Moto está lá para que? Goleiro é tão importante como um atacante quando faz um gol. Uma grande defesa é um gol para o goleiro. Ou não é?

No segundo tempo, houve mais equilíbrio na partida e de fato o Moto foi efetivo e nas chances que teve aproveitou. Mas é assim em futebol e em clássicos. quem erra menos tem grande chance de vencer.

Mas ao minimizar a conquista do Moto, Zé Augusto deixa claro que quando o time perde é mais falha do seu time do que mérito do adversário.

Que o MAC tem um bom time é bem verdade, mas que também não é esse time imbatível no futebol isso é fato, então muita calma que as palavras às vezes viram boas armas para os adversários.

Reconhecer o mérito do adversário não diminuiu em nada o bom trabalho do MAC. Ainda bem que essa falta de humildade não parte dos jogadores que dentro de campo tem honrado muito bem a camisa atleticana.

Que Zé Augusto e os dirigentes do MAC pensem sobre isso.

Foto: Reprodução

Uma resposta para "Zé Augusto ‘minimiza’ derrota para o Moto no Brasileirão Série D"

  • JOAQUIM JUNIOR

    ZECA NÃO É DE HOJE QUE O TECNICO DA “SENSAÇÃO” DO FUTEBOL MARANHENSE VEM FALTADO COM HUMILDADE…FATO QUE SE ESTENDE AOS TORCEDORES DE OCASIÃO DO MAC, QUE ONTEM FORAM HOSTIS NA SAÍDA DO ESTÁDIO, UNS SENHORES DE IDADE INCLUSIVE QUERENDO PARTIR PARA BRIGA COM ALGUNS TORCEDORES COMUNS DO MOTO…ESTAVAM TÃO DESACOSTUMADOS A GANHAR QUE SO PODE TER SUBIDO À CABEÇA..RECEOSO EU FIQUE DE ALGUM PASSAR MAL BEM ALI..RS