Braide vistoria obras e chama novos sorteados no Residencial Mato Grosso

O prefeito Eduardo Braide esteve acompanhando o andamento das obras do Residencial Mato Grosso. O conjunto, que faz parte do programa de habitação do Governo Federal é executado pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Urbanismo e Habitação (Semurh) e possui diversos equipamentos que irão melhorar a qualidade de vida dos moradores, como creches, unidade de saúde, quadras de esporte, praças e muito mais. As residências sorteadas estão na fase final de entrega das documentações, exigindo atenção de todos os sorteados/selecionados e excedentes/suplentes, beneficiados.

Demonstrando preocupação em garantir que todas as famílias tenham acesso aos serviços no próprio residencial, o prefeito Eduardo Braide informou que as famílias terão a garantia de desfrutar dos serviços públicos sem sair da comunidade. Alguns dos equipamentos já estão 100% prontos e outros, a exemplo das creches, já estão com quase 90% das obras finalizadas.

“Estamos aqui em mais uma vistoria neste que é o maior programa habitacional que São Luís já viu. Milhares de famílias foram sorteadas e já estamos convocando os excedentes. Estas milhares de famílias serão beneficiadas não só com as casas, mas com equipamentos públicos que irão garantir a qualidade de vida desses moradores. Entregaremos creche, quadra de esportes, dois centros comunitários para reuniões da comunidade, escola, praças, área para feiras e unidade básica de saúde”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

O combate ao déficit habitacional é uma das maiores bandeiras da gestão municipal desde a construção do plano de governo do prefeito Eduardo Braide. O residencial será o maior já entregue no Maranhão, e terá mais de 12 mil pessoas convivendo na comunidade, uma população maior que a de muitos municípios do Estado.

Segunda chamada dos sorteados e excedentes – Os sorteados/selecionados e excedentes/suplentes, beneficiados para o Residencial Mato Grosso 1, 2 e 3, que ainda não procederam com a entrega dos documentos exigidos pelo Programa Federal devem entregar as documentações até o dia 15 de março de 2023, conforme edital 001/2022 divulgado em Diário Oficial, no último dia 09.

Não haverá uma nova chamada e os convocados ficarão sujeitos a não receberam as moradias, se não cumprirem com as exigências até o dia 15 de março.  Em casos de sorteados que não apresentarem a documentação no período estipulado, as vagas serão preenchidas pelos excedentes que também estão sendo convocados para apresentação da documentação.

Os convocados devem se apresentar na Central de Atendimento da Habitação, localizada na Avenida Marechal Castelo Branco, nº 559 – A, São Francisco, de posse da documentação necessária, das 8h às 17h horas, de segunda a quinta-feira, e das 8h às 13h às sextas-feiras, até o dia 15 de março. A relação completa dos convocados, entre sorteados e excedentes, pode ser acessada pelo link https://www.saoluis.ma.gov.br/midias/anexos/2724_semad_-_lista_de_sorteados_que_nao_entregaram_documentos_residencial_mato_grosso.pdf

Na relação dos documentos, com original e xerox, que os sorteados/selecionados e excedentes/suplentes devem apresentar, estão: Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), Certidão de Nascimento ou Casamento/Averbação, Comprovante de Residência, Laudo Médico (caso tenha pessoa com deficiência na família (somente original), Título de Eleitor (somente original) e Carteira de Trabalho (somente original).

Ao todo são 3 mil moradias que foram sorteadas no dia 6 de setembro de 2022. A primeira convocação foi feita logo depois do sorteio, no dia 12 do mesmo mês. Já os suplentes começaram a ser convocados para apresentar documentação no dia 14 de novembro do mesmo ano.

Dos imóveis sorteados, 1,5 mil foram destinados ao público em geral e os outros 1,5 mil para pessoas com deficiência, idosos, mulheres chefes de família, pessoas em situação de vulnerabilidade social e aquelas que já moram na área do residencial. As residências contam com dois quartos, sala, banheiro, cozinha e lavanderia.

2 comentários para "Braide vistoria obras e chama novos sorteados no Residencial Mato Grosso"

  • Claudionora de Jesus

    Eu preciso de uma casa dessa pois moro em casa alugada me ajudem por favor. Tem muita gente recebendo ñ vão morar enquanto agente precisa não tem mesma sorte etc.

  • Regiane Silva Santos

    Ha 25 anos moro em casa alugada, agora moro no lugar que trabalho em um ponto comercial para economizar .
    Já fiz várias inscrições minha casa minha vida e do Maranhão, ainda não fui sorteada 😭 lembrem de mim .. Regiane Silva Santos 9898890-7664
    Eu fiz a inscrição do Residencial Mato Grosso .