O erro que o Moto comete e precisa corrigir o quanto antes…

A temporada no futebol está chegando ao fim para o Moto, mas antes de iniciar a terceira reformulação na equipe, desta vez para disputar a Copa FMF, o clube precisa profissionalizar o seu departamento de futebol.

Desde o início da temporada, o presidente Yglésio Moises se mostra resistente e tem sido orientado a abrir mão de uma das funções mais importantes que é o diretor de futebol. Para a atual gestão no Moto essa peça é desnecessária.

Ao abrir mão de um diretor de futebol, o Moto esbarra nas mãos de empresários que facilmente conseguem convencer os dirigentes sem experiência sobre este ou aquele jogador e o resultado nós já sabemos. O que vimos sábado diante do América de Natal é a síntese do que estou falando.

Agora, o clube vai decidir se mantém ou não um técnico que inventou tanto e que acabou perdendo uma classificação que nunca foi tão possível. E quem vai decidir isso? Os mesmos dirigentes que a cada pancada espero que estejam aprendendo a fazer futebol.

Yglésio Moises agora que está começando no futebol e pelo menos deveria se cercar de pessoas com conhecimento para tocar um time tão grande como é o Moto.

É fato que muita coisa melhorou no clube. Os salários estão em dia, mas o time é fraco porque que faz não conhece. A torcida parece motivada, mas o básico ainda precisa ser feito ou do contrário o fracasso do Campeonato Maranhense e do Campeonato Brasileiro Série D, se repetirão e o Moto estará definitivamente fora do mapa do cenário das competições nacionais em 2023, o que será drástico para a sua tão sofrida torcida.

Foto: Hiago Fotografia

4 comentários para "O erro que o Moto comete e precisa corrigir o quanto antes…"

  • JARDSON FIEL

    BOTOU ASSESSOR PRA SER DIRETOR NO CLUBE, QUE ISSO?? O MOTO TEM QUE PARAR DE QUERER UM MESSIAS….YGLESIO SO QUIS TIRAR PROVEITO PRA PASSAR IMAGEM DE POLITICO MULTIFACETADO, QUE CONSEGUE DAR CONTA DE VARIAS FUNÇÕES…O MOTENSE SOFRIDO NAO É BESTA…

  • Ribamar

    Motivação,essa palavra a muito tempo está fora dos planos da torcida,maior exemplo é a falta de públicos nos jogos
    Ninguém acredita, ninguém confio mais na ascensão do.moto,não se faz futebol moderno do jeito que o clube é administrado,não passa confiança,hoje futebol passa por grandes evoluções,o Moto precisa se moldar aos termos moderno infelizmente o hino do clube já não condiz com suas tradições
    Sou torcedor do Moto,mais se continuar sendo administrado com amadorismo,infelizmente estará fadado ao ostracismo
    Espero que não aconteça,mais o caminho está bem pavimentado

  • Domingos Lobato

    Realmente enquanto o Moto tiver sendo administrado de forma amadora infelizmente não vai sair disso, dirigentes sem ambição de erguer o Moto, estaremos sempre fadados ao fracasso e se o Moto não focar nessa famigerada copa fmf, trazendo um bom treinador para que possa já remodelando a equipe pra pre copa do nordeste e a propria copa fmf, o Moto não terá competição nacional em 2023, lamentavelmente

  • Ribamar

    Estamos aguardando o posicionamento do presidente quanto do blog sobre os questionamentos