Vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos está mantida no MA

O prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos) e o secretário de Saúde Carlos Lula (PSB) garantiram a continuidade da vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid-19, embora o ministro da Saúde Marcelo Queiroga tenha anunciado a suspensão da imunização.

Braide destacou que o Conass, Sociedade Brasileira de Imunizações e Anvisa já se manifestaram pela continuidade da vacinação.

“Em São Luís, a vacinação de adolescentes contra a Covid seguirá normalmente, uma vez que Conass, Conasems, a Sociedade Brasileira de Imunizações e a própria Anvisa já se manifestaram favoravelmente pela continuidade da vacinação”, afirmou.

O secretário Carlos Lula que também é presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) se manifestou em nota pela continuidade da vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos.

“O Maranhão mantém a vacinação do público adolescente com e sem comorbidade, de 12 a 17 anos, enquanto aguarda manifestação oficial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), que autorizou a vacinação deste grupo, no mês de junho. Deste modo, não há suspensão nem alteração da vacinação dos adolescentes no estado, neste momento. Ressalta-se também que devem ter prioridade: adolescentes com comorbidades; adolescentes com deficiência permanente; Adolescentes gestantes e puérperas. en seguida, conforme doses disponíveis, demais adolescentes de 12 a 17 anos, por ordem decrescnte de idade”, diz Carlos Lula em nota.

Foto: Divulgação

Seja o primeiro à comentar em "Vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos está mantida no MA"