SérieB: Clubes discutirão volta do público e exclusão do VAR

Na próxima sexta-feira (17), o Conselho Técnico de clubes que disputam o Campeonato Brasileiro Série B terá nova rodada de reunião virtual para a análise para o retorno do público aos estádios.

Na primeira reunião houve muita polêmica e a maioria votou para que a torcida só possa a ter acesso quando 80% dos municípios tiveram autorização das autoridades sanitárias. Apenas o Cruzeiro está sendo beneficiado com público em seus jogos.

O Sampaio vive a expectativa da liberação do público no Castelão para o jogo com o Brusque, na próxima terça-feira (21). Como a reunião acontece apenas na sexta-feira (17), resta saber se o Sampaio terá tempo hábil para agilizar a presença do público na partida válida pela 25ª rodada.

“No próximo dia 17/09(6ª feira) teremos um novo arbitral por videoconferência onde esperamos, conforme estabelecido pelo do dia 10/09, ter 80% (13) das 16 cidades dos Clubes da série B liberadas pelas autoridades competentes para receberem público nos estádios; assim sendo a CBF liberaria a capacidade estipulada pelo Estado/Município”, disse Sérgio Frota, presidente do Sampaio.

Frota falou sobre o privilégio do Cruzeiro e disse que o clube mineiro não  manteve a palavra junto aos 20 clubes que disputam a Série B.

“O Cruzeiro não manteve a palavra que os 20 clubes assumiram anteriormente de só termos jogos com públicos em todas as cidades simultaneamente, para não ferirmos a isonomia”, afirmou.

Outro ponto a ser discutido será a exclusão do VAR proposta pelo Vasco da Gama face ao número reduzido de câmeras utilizadas nas transmissões. O Sampaio votará contra a exclusão e classifica a proposta como desespero do Vasco.

“Isso é desespero do Vasco, erros de arbitragem sempre vão ocorrer mesmo com o VAR, mas a utilização deste minimiza equívocos”, destacou Frota.

Foto: Divulgação/CBF

Seja o primeiro à comentar em "SérieB: Clubes discutirão volta do público e exclusão do VAR"