Imperatriz tem que fazer valer fator campo

Os primeiros noventa minutos do mata-mata para o Imperatriz serão decisivos na luta pelo acesso à Série B em 2020.

Jogando em casa e diante da sua torcida, o Imperatriz terá que fazer valer o fator campo para tentar abrir uma vantagem neste confronto diante do perigoso Juventude que vem ao Maranhão na condição de favorito.

O Estádio Frei Epifânio D’Abadia, certamente receberá lotação máxima e a torcida deverá exercer papel importante incentivando os jogadores e, principalmente atuando como o 12º jogador.

Mas qual é a boa vantagem? É claro que o melhor dos cenários é vencer com boa diferença de gol, a maior possíovel, mas não é sempre assim que as coisas funcionam.

Primeiro o Imperatriz tem que vencer o jogo. Aos poucos, um a um, tentar fazer a vantagem em casa. Não adianta colocar na cabeça de que precisa vencer de dois ou três gols de diferença, pois as coisas não funcionam dessa maneira. É uma coisa de cada vez.

O Imperatriz tem o melhor ataque da competição, mas tem um setor defensivo que tem falhado em jogos decisivos e isso precisa ser evitado.

Do outro lado, o Juventude venceu três jogos dos nove que realizou fora. Curiosamente, dois foram contra Atlético-AC e Paysandu-PA que são equipes que diria que praticamente da nossa região. Isto serve de alerta ao Imperatriz.

Enfim, o técnico Paulinho Kobayashi e os jogadores já sabem o que devem fazer para superar o Juventude e sabem também que a história não se resolve aqui, por isso é preciso jogar esses primeiros 90 minutos com muito cuidado e atenção, pois embora sejam 180 minutos quem largar na frente pode se dar muito bem.

Foto: Anderson Cândido / Imperatriz

2 comentários para "Imperatriz tem que fazer valer fator campo"

  • David oliveira

    Aqui no Frei vai ser 4 x 1 pro cavalo!!! Eu acredito na patada do cavalo. IMPERATRIZ na série B em 2020 !!!

    • Zeca Soares

      Tudo isso? Então vai ser bom demais.