Diego Galdino evita polêmica e vai rever ‘equívoco’

Diego Galdino, secretário de Cultura e Turismo

Alvo de duras críticas por conta da programação do São João no Maranhão que deixou de fora alguns dos principais atores da música maranhense, o secretário de Cultura e Turismo, Diego Galdino decidiu corrigir o “equívoco” cometido por conta da existência de um edital para a contratação de artistas e brincadeiras para o período junino.

É que alguns artistas não teriam participado do edital e por este motivo ficaram fora da programação. Dentre eles estão Mano Borges, Betto Pereira e Carlinhos Veloz que inclusive se manifestaram nas redes sociais.

O assunto ganhou repercussão na Assembleia Legislativa na sessão desta terça-feira (5), mas o secretário prefere evitar polêmicas e assim como não respondeu aos artistas, também não responderá aos parlamentares.

Sabedor da importância desses grandes nomes da música maranhense, o secretário Diego Galdino prefere deixar as críticas de lado e vai buscar solução para o impasse simplificando o processo de contratação das atrações.

Uma reunião já está agendada para a próxima quinta-feira para resolver o impasse e os artistas serão convidados a participar da programação do São João.

É lógico que independente de quem seja, nossos artistas precisam entender que existem critérios e uma documentação que precisa ser apresentada. Mas como disse anteriormente, tudo pode ser mais simples.

Diego Galdino demonstra sensibilidade e que está sempre aberto ao diálogo e entendimento com os nossos artistas. Isso é fundamental para o fortalecimento da nossa cultura.

Foto: Divulgação/Secap

Seja o primeiro à comentar em "Diego Galdino evita polêmica e vai rever ‘equívoco’"