Bailarina é vítima de violência no Maranhão

AnaDuarte

A bailarina Ana Lúcia Duarte Silva, de 51 anos foi morta após levar seis tiros de espingarda na madrugada de hoje (26).

Ela retornava a São Luís, por volta de 3h30 em companhia de uma amiga pela na BR-135 e foi alvo de assaltantes no momento em que reduziu a velocidade do veículo para tentar desviar dos buracos.

Ana não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A amiga não sofreu nada.

Segundo testemunhas, os disparos foram efetuados por três adolescentes que fugiram após roubar os pertences da vítima.

“Minha homenagem a querida amiga e mulher da dança, Ana Duarte, a qual tenho uma eterna gratidão, foi ela que sugeriu ao saudoso Antônio Gaspar para que eu pudesse fazer os testes para o Pai Francisco no espetáculo O Sonho de Catirina. E hoje cedo fiz uma postagem falando da BR-135. Violência e descaso total”, escreveu o ator César Boaes no Facebook.

Foto:Arquivo Pessoa/ Facebook

6 comentários para "Bailarina é vítima de violência no Maranhão"

  • Nordman

    Tudo isso acontece devido o descaso das “autoridades” que não levantam suas ancas das cadeiras para ver as condições que se encontram as nossas estradas. Existe DNIT para que neste Estado? Porque as estradas do vizinho estado do Piauí são melhores que as do MA. Será que o DNIT do PI pertence a outro País ou é incompetência dos que fazem o DNIT do MA? Será que teremos que ter outras Anas vitimadas para que se tome alguma providência?

  • paulo

    zeca esse senhor chamado flavio dino tem q esquecer esse satanas chamada de dilma e procurar correr atras de recursos para recuperar o maranhao . Esse ai ta pior q roseana.

  • Teresa

    Que tristeza uma pessoa tão querida morrer assim.