CBF amplia Série D, mas MA fica só com um time

Série-D

A Série D do Campeonato Brasileiro ganhou uma novidade para a edição de 2016. Com o objetivo de integrar cada vez mais clubes ao calendário anual das competições, oito agremiações foram incorporadas ao torneio deste ano. Assim, a Série D passa a ser disputada com 48 times.

Para a distribuição das oito vagas criadas, levou-se em consideração o Ranking Nacional das Federações de 2016. As vagas ficaram com São Paulo (2), Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará, Alagoas, Rio Grande do Norte e Pará (1), além das vagas que já estavam garantidas.

A posição do Maranhão no ranking afastou qualquer possibilidade de ampliação do número de times maranhenses na Série D.

Com a novidade, o sistema de disputa será alterado para 12 grupos de quatro clubes cada, com jogos de ida e volta dentro do grupo.

Classificam-se para a segunda fase os dois primeiros de cada grupo e os oito melhores terceiros colocados, totalizando 32 clubes.

A partir da segunda fase, a competição será disputada através do sistema mata-mata até a sua conclusão.

15 comentários para "CBF amplia Série D, mas MA fica só com um time"

  • Jefferson

    O Maranhão tem o que mesmo na direção da CBF? Acho que um indivíduo sem respaldo algum que só aparece em estádio Qdo tem boca livre em grandes jogos.

  • João pedro

    Se depender dos nossos representantes na política,no esporte, no turismo,na educação,na saúde ou na segurança, não vamos ter é nada.ex.
    Maior prova na minha opinião,a Siderúrgica, faltou maior empenho,quantos maranhenses foram prejudicados, e nada foi feito, é uma vergonha parte desses nossos representantes., deixam tudo ir para o Rio,São Paulo,bahia e até fortaleza está a milhões a nossa frente.
    “Ricos, porem pobres no quisito político atuante”
    Se formos pegar essas pequenas coisas e formos somar, a perca é muito grande.
    Enfim, infeslismente é o que temos.

  • guerrilheiro

    Mas o sampanha não tá na elite do futebol da fifa ? isso não pesa no ranking nao vou nen endoçar o comentario do jefferson

    • Raimundo Dominici

      Cara, vc vai encontrar poucos torcedores que tenham mais desprezo pelo sampanha do que eu, mas nesse caso é preciso “dar a césar o que é de césar” e você está completamente enganado, a pontuação da federação maranhense só não é pior por causa dessa sardinha colorida:

      Veja o ranking:
      pos time federação pontos
      39 Sampaio Corrêa MA 3.808
      97 Moto Club MA 522
      131 Maranhão MA 328
      142 Imperatríz MA 255
      191 Santa Quitéria MA 100
      215 IAPE MA 50

      Agora some tudo e o resultado 5.063 é exatamente a pontuação da FMF.

      • Douglas Freitas

        A federação maranhense só não é pior por causa do Sampaio, Raimundo Dominici com toda mara de motense kkk mais no fundo tem um amor pela Bolívia querida kkkk passa o dia olhando as postagens do g1 sobre o Sampaio que eu sei !! kkkkkk

        • Raimundo Dominici

          Rapá, eu só posso ter uma chama pra esses bolivianos malucos, a cada dia um se apaixona por mim.

          De onde foi que esse doido viu alguma fala minha em alguma postagem com o nome do sampanha? Eu tenho por filtro jamais comentar nem aqui nem no G1 nenhuma postagem sobre seu time.

          Agora vc ta por aqui sintomaticamente vendo matéria sobre a série D né? te acalma que esse ano vocês caem pra C, série D pra vocês é só ano que vem, te acalma rs.

  • Raimundo Dominici

    Patifaria da CBF, acho até que é ilegal já que não teve a antecedência que o estatuto do torcedor exige né.

    Esse tipo de coisa só serve pra valorizar ainda mais o campeonato paulista, agora com QUATRO vagas vai ficar mais interessante e estimular ainda mais os times pequenos de lá.

    Pro campeonato é péssimo, essa nova fórmula reduz em um clube por chave diminuindo assim em duas partidas a participação de cada clube, sem falar nos 16 que caem na primeira fase e terão tido menos jogos.

  • Rafael Lobato

    Como sempre o futebol do Maranhão ficou sem nada de novo, deu pra perceber que tudo foi feito da forma mais política possível, por exemplo Alagoas e Pará ficaram ficaram com o mesmo número de vagas que RS e SC que estão muito a frente no ranking, o Maranhão não perdeu essa vaga por causa do ranking e sim pela falta de força política ou até mesmo a falta de interesse dos “nossos” representantes na cbf.

  • Alan Jorge

    O que podemos ver nisso é a falta de interesse e falta de força política. Uma pessoa que é vice da regional e não se vê intervenção pra ajudar os times, o presidemte6da federação esse mesmo não aparece. Ainda vamos penar muito

  • ACR MOTENSE

    ALAGOAS? Sem mais…

    • Raimundo Dominici

      Clas. Fed. Estado Total Diferença
      1 SP São Paulo 92.504 –
      2 RJ Rio de Janeiro 57.820 34.684
      3 MG Minas Gerais 43.647 14.173
      4 SC Santa Catarina 35.513 8.134
      5 RS Rio Grande do Sul 34.870 643
      6 PR Paraná 30.575 4.295
      7 PE Pernambuco 22.624 7.951
      8 GO Goiás 21.386 1.238
      9 BA Bahiá 17.683 3.703
      10 CE Ceará 14.627 3.056
      11 RN Rio Grande do Norte 13.436 1.191
      12 AL Alagoas 9.457 3.979
      13 PA Pará 9.226 231
      14 MT Mato Grosso 7.789 1.437
      15 MA Maranhão 5.063 2.726
      16 PB Paraíba 4.979 84
      17 DF Distrito Federal 3.007 1.972
      18 AM Amazonas 2.603 404
      19 SE Sergipe 2.590 13
      20 AC Acre 2.192 398
      21 PI Piauí 1.819 373
      22 MS Mato Grosso do Sul 1.757 62
      23 ES Espírito Santo 1.669 88
      24 TO Tocantins 1.415 254
      25 AP Amapá 1.251 164
      26 RO Rondônia 1.186 65
      27 RR Roraima 1.164 22

      • ACR MOTENSE

        Sim, mas qual o critério para chegar nessa pontuação?

        • Zeca Soares

          O rendimento dos clubes nas competiçòes nacionais.

  • Raimundo Dominici

    LEI No 10.671, DE 15 DE MAIO DE 2003. (Estatuto do Torcedor)

    Artigo 9º …

    § 5o É vedado proceder alterações no regulamento da competição desde sua divulgação definitiva, salvo nas hipóteses de:

    I – apresentação de novo calendário anual de eventos oficiais para o ano subseqüente, desde que aprovado pelo Conselho Nacional do Esporte – CNE;

    Eu acho que essa inclusão fere esse dispositivo bem aqui.

    • Zeca Soares

      Pode ser modificado a cada dois anos.