Sousa Neto critica números de Flávio Dino

SousaNeto

O deputado Sousa Neto criticou nas redes sociais a declaração do governador Flávio Dino, também nas redes sociais sobre registro de mortes em São Luís nas festas de fim de ano. Segundo o governador, não houve qualquer registro de homicídios..

“Não houve nenhuma morte violenta no período de festas na Grande São Luis. Parabéns às forças policiais e à sociedade. Com fim de 2015, confirmamos redução de 8% em crimes violentos letais intencionais (homicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte)”, escreveu Flávio Dino.

Para o deputado Sousa Neto, o governo segue com a estratégia de fatiar e omitir informações.

“Até seria motivo de comemoração se fossem verdadeiras as informações alardeadas pelo governador Flávio Dino de que não houve um só crime durante as festas de final de ano. A estratégia de fatiar as informações vem sendo adotada com frequência pelo secretário da Segurança Pública, Jeferson Portela e não seria diferente nessa época do ano, mas a verdade é que os crimes aconteceram sim e ao invés do governo buscar melhorias para a segurança do nosso estado que está cada dia mais defasada, ainda mente dizendo que foram mais de 1300 novos policiais nomeados, sendo que no Diário Oficial consta a nomeação de apenas 458”, destacou.

Diferentemente do que disse o governador, houve aumento nos casos de latrocínio em 2015 no Maranhão. De 1º de janeiro a 29 de dezembro, foram 64 casos de roubo seguido de morte registrados na Região Metropolitana de São Luís – São Luís, Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar. Os números são da própria Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-MA).

“Eu mesmo já tinha chamado a atenção em um dos meus discursos dessa manobra do governo e inclusive acionei o Ministério Público. Algumas entidades já perceberam e se manifestaram em redes sociais sobre a diferença da realidade e do que é divulgado. Não podemos permitir mais isso. O governo virtual, pelo visto, não será diferente em 2016”, finalizou Sousa Neto.

Foto: Agência Assembleia

Leia mais

Seja o primeiro à comentar em "Sousa Neto critica números de Flávio Dino"