Maranhão teve mais de 30 mil focos de queimadas

florestaarariboia

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou hoje os dados sobre o número de queimadas no Maranhão. Os dados devem servir para reflexão por parte do Governo do Maranhão.

As queimadas no Maranhão aumentaram em relação a 2014. O número de focos subiu assustadoramente e chegou a 30.137 no ano passado, contra 25.435 em 2015 e 16.189 em 2013 e o recorde em 2012 com 31.594 focos.

No ano passado tivemos registro de  graves incêndios na Terra Indígena Arariboia, na região Central do Maranhão.

Dos 413 mil hectares de Floresta Amazônica, 220 mil hectares foram consumidos pelo fogo, um total de 53,2% da reserva, segundo o Ibama.

O Brasil teve em 2015 um aumento de 27,5% no número de queimadas. O Maranhão é o terceiro, atrás de Mato Grosso e do Pará que lidera o ranking. Veja o ranking no país em número de focos de queimada.

Pará – 44.794
Mato Grosso – 32.984
Maranhão – 30.137
Bahia – 18.373
Tocantins – 17.367
Amazonas – 15.137
Piauí – 14.712
Rondônia – 14.373
Minas Gerais – 10.593
Goiás – 6.849
Acre – 5.493
Mato Grosso do Sul – 5.304
Ceará – 3.419
Amapá – 2.643
Paraná – 2.185
Roraima – 2.056
São Paulo – 1.984
Rio Grande do Sul – 1.450
Pernambuco – 1.082
Espírito Santo – 1.026
Santa Catarina – 923
Rio de Janeiro – 664
Alagoas – 590
Paraíba – 586
Rio Grande do Norte – 439
Sergipe – 299
Distrito Federal – 172

Foto: Sidney Pereira/ TV Mirante

Seja o primeiro à comentar em "Maranhão teve mais de 30 mil focos de queimadas"