Meta superada

EdivaldoHolandaJunior

A Prefeitura de São Luís superou a meta determinada pelo Ministério da Saúde (MS) para a campanha de vacinação contra a paralisia infantil, encerrada no dia 31 de agosto passado. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), foram vacinadas cerca de 70 mil crianças, com idades entre seis meses a menores de cinco anos, o que representa 98,61% de cobertura vacinal na capital maranhense.

Na avaliação da secretária municipal de Saúde, Helena Duailibe, a colaboração da população foi fundamental para os resultados. “Por determinação do prefeito Edivaldo, empenhamos todos os esforços na realização da campanha, e os pais entenderam que a vacina é importante para garantir a saúde das crianças e manter a pólio fora da nossa realidade. Os postos de vacinação registraram grande procura e, assim, temos agora quase 100% do público alvo vacinado”, afirmou.

A campanha iniciou no dia 15 de agosto e, para garantir o cumprimento das metas, a Semus mobilizou uma grande estrutura na rede municipal de saúde, disponibilizando a vacina contra a poliomielite em 63 unidades, distribuídas por toda a cidade. Além disto, fez a sensibilização das famílias para levar as crianças no Dia D (22 de agosto) aos postos fixos e volantes, instalados em São Luís.

Desde 1990, não há registros de casos de paralisia infantil, mas a vacinação é realizada anualmente para manter a situação de erradicação.
Durante toda a campanha, a Semus orientou os pais a levarem o cartão de imunização da criança para a identificação do correto cumprimento do cronograma estabelecido pelo calendário nacional. Nos casos em que foi identificada a falta de alguma vacina, os técnicos foram orientados a fazer a aplicação da dose necessária.

Todas as vacinas do calendário nacional de vacinação da criança estão disponíveis nos postos de saúde.

Seja o primeiro à comentar em "Meta superada"