Futebol e solidariedade

Visita_Presidente

Em comemoração ao aniversário de 401 anos de São Luís, os ingressos para a partida entre Moto Club e Itapecuruense, no Estádio Nhozinho Santos, no Centro, neste domingo (8), serão trocados por um quilo de alimento não perecível. A inclusão do jogo nas festividades da fundação da capital maranhense foi proposta pelo presidente do Moto, Roberto Fernandes, ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior e ao secretário de Desporto e Lazer (Semdel), Raimundo Penha, na segunda-feira (2).

“Nós já temos uma programação esportiva por conta do dia do aniversário da cidade e no domingo, que é a data da comemoração, teremos a inauguração do placar eletrônico pela Prefeitura de São Luís para modernizar o Nhozinho Santos. Então se discutiu a inclusão desse evento na programação dos 401 anos”, afirmou o secretário Raimundo Penha.

O painel eletrônico possibilitará a atualização em tempo real do placar dos jogos em disputa e não precisará ser substituído a cada partida como ocorria com o antigo equipamento. As obras de modernização do Nhozinho Santos compreendem, além da instalação do placar eletrônico, a ativação do sistema de catracas, recuperação do alambrado, do gramado e dos banheiros.

O jogo deste domingo será realizado às 17h e encerra a última rodada da Série B do Campeonato Maranhense. O titular da Semdel lembrou que o Moto é um time com grande torcida e que, ao conquistar antecipadamente o campeonato no domingo passado, oportunizará a comemoração dos torcedores e também será uma forma de demonstrar o respeito que a gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior tem pelo esporte maranhense.

“O Moto Club é um time de São Luís e vai jogar como campeão antecipado. Então juntou umas das maiores torcidas do futebol maranhense, que é a torcida do Moto, com o aniversário da cidade. Na verdade, será um jogo solidário, com um patrocínio da Prefeitura para que seja feita uma grande festa com a doação de alimentos que ajudarão famílias menos favorecidas”, destacou.

Os alimentos poderão ser trocados pelos ingressos nesta sexta-feira (6) e neste sábado (7), no Estádio Nhozinho Santos, no horário das 8h às 18h, com intervalo das 12h às 14h. O presidente da Federação Maranhense de Futebol (FMF), Antônio Américo, informou que serão disponibilizados 7.800 ingressos para a partida.

O presidente do Moto Club, Roberto Fernandes destacou a parceria com a Prefeitura e ressaltou que o esporte pode propiciar valores importantes para a população como a conservação do patrimônio e consciência sobre a importância de não sujar as vias públicas. “O Moto é um time de São Luís e será uma oportunidade especial fazer parte da programação de aniversário da cidade mais bela do Brasil. Esperamos que o futebol contribua para aumentar o sentimento de pertencimento à cidade e que esta parceria com a Prefeitura seja apenas a primeira de uma série”, comentou.

A partida em homenagem aos 401 anos de São Luís terá uma programação especial. O jogo será iniciado às 17h, mas a cerimônia de abertura começa a partir das 16h30 com a entrada das equipes em campo. Em seguida será realizada uma homenagem à família de José Pereira dos Santos, que foi vice-presidente da FMF e presidente do Moto, falecido na terça-feira (5) aos 92 anos.

Também serão homenageados antes da partida o jogador motense Kleber Pereira e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior. O pontapé inicial para o jogo será dado por um dos netos de José Pereira dos Santos. A entrega do troféu de campeão ao Moto será feita pelo prefeito que juntamente com o presidente da Federação Maranhense de Futebol entregará as medalhas aos jogadores.

7 comentários para "Futebol e solidariedade"

  • fernando 81

    Só espero sinceramente que TODA ESTA FESTA NÃO ATRASE O JOGO!!!
    LEVAREMOS CRIANÇAS PEQUENAS PARA A FESTA, e atrasos demasiados tornará tudo cansativo para elas…JÁ BASTA O JOGO DA ESTRÉIA QUE A FALTA DE AMBULÂNCIA ATRASOU O JOGO POR QUASE 40 MINUTOS…
    FESTA SIM….ATRASO NÃO!!!

  • ACR Motense

    Por que apenas 7.800 ingressos?
    Outra: o Moto vacilou deixando Casagrande fechar com o Sampaio. Lá ele vai ser banco, no Moto facilmente seria titular, sobretudo com a aposentadoria de Kleber Pereira. Às vezes uma conversinha com o jogador resolve!

    • ZE CARLOS

      Esse Secretarizinho, motense de uma figa, tá prejudicando o Sampaio, porque essa lástima não liberou o Nhozinho? só inveja e picuinha com o Presidente do Moto, a torcida boliviana te aguarda secretariozinho meia-boca.

    • ZE CARLOS

      ACR MORTENSE SOFREDOR ETERNO 7800 É MUITO, ESSA LÁSTIMA NUNCA COLOCOU MAIS DE 7 MIL EM UM JOGO DE FUTEBOL… VOCÊS TÃO COLOCANDO ISSO AGORA, É PORQUE TÁ VENDO O MAIOR DO MARANHÃO COLOCAR 40 MIL. POIS EM SITUAÇÃO NORMAL NÃO PASSA DE 2 MIL.

  • Rômulo Pachêco

    Vai ser uma linda festa da torcida mais vibrante desse Estado!

  • Alencar

    Vamos meu papão!

  • João Pedro

    Falar verdade,eu pensei que a diretoria do moto fôsse contratar o Casagrande, não postei comentários para não chamar atenção do frota, mais não deu outra, banco ou não Casagrande é dinheiro em caixa, Diretores do moto, se querem levar o moto há algum lugar não podem ficar alheios aos acontecimentos do dia a dia e ser ágil por que se não as coisas não andam, a compra de Casagrande com certeza renderia um bom dinheiro ao moto, não tem dinheiro, pede emprestado,paga com a venda.