TRE aprova investigação de denúncias de Flávio Dino

flaviodinoSessão do Tribunal Regional Eleitoral realizada ontem (12) aprovou pedido à Polícia Federal de investigação de denúncias de irregularidades cometidas no pleito eleitoral de 2010. O pedido foi formulado pelo Tribunal de Justiça, acatando requerimento do desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos.

O debate sobre supostas fraudes ocorridas em 2010 foi desencadeado por um discurso do presidente da Embratur, Flávio Dino, durante evento realizado na Câmara Municipal de Imperatriz. Na ocasião, ele fez referência às suspeitas levantadas a partir de um estudo feito por equipe de especialistas em apuração eletrônica. Desde então o assunto tem frequentado o noticiário e os debates nos meios jurídicos e políticos.

Diante da decisão, o presidente interino do PCdoB Maranhão, Etelvino Oliveira, anunciou que o partido pedirá ao TRE que encaminhe à Polícia Federal cópias de todos os documentos com as denúncias feitas em 2010. Solicitará também, adiantou, os convênios celebrados no ano eleitoral pelo governo do estado e a anexação das denúncias formuladas no Recurso Contra Expedição de Diploma (RECED) que aguarda julgamento no Tribunal Superior Eleitoral.

O presidente da Embratur, Flávio Dino, se manifestou via twitter afirmando que aplaudia a decisão da Corte. “Manifesto meu aplauso à decisão do TRE de apurar as denúncias que fizemos em 2010 sobre as eleições daquele ano. Sempre lutamos por isso e vamos encaminhar à Policia Federal todos os documentos que entregamos ao TRE em 2010.”, declarou.

3 comentários para "TRE aprova investigação de denúncias de Flávio Dino"

  • Macabeu

    Ótimo, vamos ver quem tem culpa no cartório, vamos ver se no final das inverstigações não abafam tudo deixando os corruptos livre leve e solto. Como acontece sempre quando a verdade vem a tona e os infratores são peixe grande, passa-se um esponga em cima e ninguém fala mais nisso. Estou pagando pra ver.

  • Marcelo

    Não vai dar em nada não.

  • Milton

    Agora vamos ver se essa história de fraude é verdadeira ou secretas apenas de blá blá blá.