Sistema de Videomonitoramento será ampliado

roseana2

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) vai implantar mais 200 novas câmeras de videomonitoramento em São Luís, totalizando 300 unidades ligadas 24 horas por dia. Esta segunda fase, que terá início ainda este semestre, contemplará vários bairros e regiões da capital maranhense, observando a movimentação das ruas, avenidas e vários pontos da cidade.

Instalado há quatro meses pelo Governo do Estado, o Centro de Comando e Controle do Videomonitoramento da Região Metropolitana já registrou 1.222 eventos, fatos ou incidentes captados pelas câmeras de segurança móvel. No primeiro mês, foram contabilizados apenas 312 ocorrências. Já no terceiro, o balanço foi fechado com 928 eventos.

Na primeira fase do projeto, inaugurado em setembro do ano passado, foram instaladas cem câmeras em diversas avenidas de São Luís, e em locais próximos a agências bancárias, pontos comerciais e turísticos.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) já mapeou, com base em dados estatísticos do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), os bairros com maiores incidências de criminalidade. Estas localidades, além do patrulhamento diário, feito pelas viaturas e motocicletas que cobrem a área, contarão com câmeras interligadas 24 horas à Central instalada no prédio do Ciops.  A previsão é que elas já estejam funcionando ainda no primeiro semestre deste ano.

“Contamos com um dos sistemas de videomonitoramento mais modernos do mundo. As avenidas de maior fluxo já estão todas monitoradas. Vamos nesta nova fase contemplar também as avenidas dos Africanos, Lourenço Vieira da Silva e Getúlio Vargas que eram as que faltavam. Pretendemos com essas medidas aliadas com outras ações de políticas públicas de segurança, reduzir os índices de violência em São Luís”, explicou o secretário de segurança, Aluisio Mendes.

Bairros como Cidade Operária, Cidade Olímpica, Maiobão, eixo Itaqui-Bacanga, Liberdade, Coroadinho, São Francisco, Ilhinha, Bairro de Fátima, Coroadinho, entre outras localidades, estão na lista para serem beneficiados.  Atualmente, o Sistema de Segurança tem 100 câmeras cobrindo pontos na Avenida Guajajaras, Jerônimo de Albuquerque, Estrada de Ribamar, São Luís Rei de França, Holandeses, Daniel de La Touche, Litorânea, Lagoa da Jansen, Castelo Branco, João Pessoa, Kennedy, Magalhães de Almeida, Beira-Mar, Rua do Egito, entre outros.

foto16

Videomonitoramento em números

Do total dos registros, durante os quatros meses de funcionamento, o Ciops já contabilizou 627 intervenções da Polícia Militar. Neste tipo de ocorrência ou o botão foi acionado ou um dos operadores de videomonitoramento percebeu alguma ação suspeita e comunicou à Central de Despacho do Centro, que é integrada pelas Polícias Civil e Militar e ainda do Corpo de Bombeiros Militar.

Após esse processo de analise, a ocorrência é verificada e as equipes de plantão avaliam a necessidade de se acionar uma viatura policial para aquela localidade. Esse tipo de ocorrência resultou na condução de 133 pessoas flagradas com envolvimento com o tráfico de drogas, porte ilegal de armas, roubo, furto, desordem, acidentes e outros tipos de delitos. Além destas, 16 veículos foram conduzidos ao pátio do Detran. Já o Corpo de Bombeiros recebeu 130 chamados. A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), nesses quatro meses, foi acionada 238 vezes e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), 58.

5 comentários para "Sistema de Videomonitoramento será ampliado"

  • Otávio

    Tem previsão para o monitoramento do Parwue Atwnas e Shalon e proximidades?

  • pedro igor.

    Poxa, gostaria que o COHAJAP e o Parque Shalon, recebessem câmeras, principalmente na abandonada praça da caixa de água do Cohajap,habitual local de usuários de drogas e também venda de maconha, principalmente na parte da tarde, onde existia uma quadra de esportes.
    Outro agravante é que diversos moradores, inclusive eu, já foi roubado naquele local, com uso de arma de fogo. Aquele área foi esquecido pelas autoridades, não existem políticas públicas específicas e uma praça que poderia ser bonita, hoje apenas abriga usuários e animais abandonados. Governo precisamos de uma Câmera!

  • ozeas

    Zeca essa iniciativa do videomonitoramento é sem dúvida sensacional, nota 10 para o governo do estado, agora seria interessante que esse programa também contemplasse as maiores cidades do interior do estado, como imperatriz e Timon por exemplo, são cidades com índices latentes de criminalidade, Imperatriz pelo porte que tem que ão mais 250.000 habitantes, e Timon pela proximidade com Teresina, tem um indice absurdo de crimes. Espero que já exista esse projeto.

  • Macabeu

    É verdade que, a gente dá uma mijadinha atráz de um poste, eles veêm. Já que não tem banheiro publicos?. É isso mesmo!?

  • EDUARDO

    òtimo, e quando vão instalar as câmeras do BARRETO E LIBERDADE ????? LÁ TAMBEM MORA SERES HUMANOS.