Motoristas reclamam das condições da MA-026

[gmc 2309836]

Motoristas que trafegam pela MA-026 reclamam das condições da rodovia. Há um ano, um buraco na cabeceira de uma ponte, representa riscos para quem passa pelo local.

A MA-026, entre Codó e Timbiras, na opinião de quem trafega, está cada vez mais perigosa. A rodovia perdeu o acostamento e as cercas estão bem mais próximas da rodovia.

Quem precisa encarar a estrada reclama da falta de sinalização. Além disso, é preciso tomar cuidado com os buracos que estão aparecendo em maior número ao longo do trecho entre as duas cidades. Já tem gente reclamando de prejuízo.

Outro problema que começa a preocupar é o velho buraco na cabeceira da ponte do Amorim. Em junho deste ano, ele chegou a ameaçar o tráfego, e um reparo foi feito. Agora, ele está novamente avançando sobre a pista.

Os motoristas que transportam passageiros entre Codó e Timbiras já estão com medo e pedem providências urgentes. Em nota, a Secretaria de Infraestrutura informou que vai realizar um levantamento dos problemas na MA-026 para que ela seja incluída no Plano de Conservação de Estradas do governo do Estado.

Leia mais

2 comentários para "Motoristas reclamam das condições da MA-026"

  • Rogério

    Não só essa mas as nossas estradas são muito ruins mesmo e precisam ser arrumadas.

  • CESAR FM

    Não vou aqui dizer que os motoristas não estão certos em reclamar das estradas que realmente são umas desgraças, quem viaja por este Maranhão de Deus, pode comprovar suas reclamações, mais cá pra nós motoristas reclamam, reclamam de tudo e no fim o prejuízo deles se resumem em quebra de algumas peças, que logo mesmo com reclamações são repostas, pior somos nós que eles tiram nossas vidas em estradas ruins, estradas, boas, matam transeuntes em parada de ônibus, sobem calçadas, arrastam cidadãos sem abrir a porta traseira de ônibus. Quase que todos dias um motoristas tira a vida de um cidadão, uma cidadã e as vezes até de quem nem chega a ter a sorte de tornar-se um cidadão ou uma cidadã, no fim para suas alegrias pagam míseras taxas e são liberados, ou seja motoristas reclamam, reclamam e só reclamam e quem vai reclamar por nós? Quando o motorista assassino será tratado como um assassino?