Jucema quer melhorar gestão de negócios

A Junta Comercial do Estado do Maranhão (Jucema) apresentará no próximo dia 24 de novembro, por meio de videoconferência, os procedimentos que envolvem o registro de empresas mercantis. A videoconferência será transmitida nas dependências da UNIVIMA, das 8h às 12h para os municípios Açailândia, Barra do Corda, Brejo, Carolina, Caxias, Codó, Imperatriz, Pedreiras, Pinheiro e Santa Inês. Os participantes de cada um dos pólos poderão interagir, fazendo comentários e perguntas, transmitidas em tempo real ao palestrante.

Fruto de uma parceria com a Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia, Ensino Superior e Desenvolvimento Tecnológico (SECTEC-MA) e com o apoio do Conselho Regional de Contabilidade (CRC-MA), a transmissão visa orientar e capacitar quem pretende abrir ou melhorar a gestão de seu negócio.

Destinada a empresários e contadores, a palestra orientará também empreendedores, advogados e usuários em geral com informações técnicas acerca dos procedimentos para elaboração de documentos a serem apresentados ao registro público de empresas mercantis, reduzindo, assim, o número de exigências.

“Hoje a Jucema coloca em exigência aproximadamente 12% dos documentos protocolados na instituição, se formos estratificar essa demanda verificaremos que as exigências chegam a quase 30% dos processos que dão entrada nesta casa, pois nem todos os documentos protocolados são passiveis de julgamento.”, justificou a presidente da Junta Comercial, Sueline Moraes Fernandes, que acrescentou que o intuito desta ação é melhorar a qualidade dos serviços prestados.

No evento, serão apresentados o aprimoramento do ambiente legal e a desburocratização, o detalhamento do processo de abertura de empresas, os desafios e melhores práticas para registro. O passo a passo mostrará ainda os procedimentos que ajudam a reduzir os prazos para constituição, alteração e baixa de empresas; maior transparência no processo; simplificação e padronização do cumprimento de obrigações.

“A Junta Comercial é mais que um órgão de registro. Trabalha estimulando o empreendedorismo para gerar emprego e renda”, conclui a presidente da Jucema, ao citar ainda os serviços prestados pela autarquia, entre eles o arquivamento de atos de empresas, emissão de certidões, registro de agentes auxiliares do comércio (leiloeiro, tradutor público e administrador de armazém geral), entre outros.

4 comentários para "Jucema quer melhorar gestão de negócios"

  • Empresária

    Bastante oportuna a iniciativa da Junta Comercial do Maranhão, acredito que além disso a Jucema deveria realizar alguns fóruns abordando esse tema.

  • Rosângela

    Excelente trabalho realiza a SUeline Fernandes no comando da Junta Comercial do Maranhão procurando voltar as ações a quem de fato precisa. Parabéns!!!!

  • cliente jucema

    Muito boa iniciativa! Ações como essa, precisam ser realizadas em diversas áreas do governo.Principalmente para aqueles que estão fora da capital.

  • Fernanda

    Belo trabalho realiza a Dra Surline na Junta Comercial,