Greve no Incra

Os servidores do Incra completam nesta quarta-feira (18) trinta dias de greve. Além da Superintendência Regional do Maranhão, outras vinte e oito superintendências do Incra em todo o país estão com as atividades paralisadas por conta do movimento grevista que também atinge outros órgãos do serviço público.

Durante todo o dia de hoje, os servidores da Superintendência Regional do Incra no Maranhão devem permanecer concentrados em frente a sede do órgão, no bairro do Anil. Representantes do Incra e de outros órgãos federais estão em Brasília participando durante todo o dia de hoje de protestos pedindo a abertura de negociações com o governo federal.

O governo diz que as negociações com os servidores não serão interrompidas, pois trabalha com uma data limite de 31 de julho para concluir os estudos sobre a possibilidade de conceder o reajuste salarial, embora considere que o prazo final é 31 de agosto, data final para enviar o projeto do Orçamento para 2013 ao Congresso Nacional.

A pauta de reivindicações dos servidores do Incra e de outros órgãos, onde a greve persiste incluem a contratação de servidores, a criação de plano de carreira, criação e estabelecimento de data-base no dia 1º de maio, melhores condições de trabalho e equiparação de salário e benefícios com os servidores do Legislativo e Judiciário.

Uma resposta para "Greve no Incra"

  • Teodoro

    Até quando vai isso ninguém aguenta mais