Eu gosto mesmo é de música…

Conversava ontem com um amigo no Facebook, enquanto acompanhava as apresentações no Rock in Rio.

O cara estava indignado com a presença da turma do axé, samba e outras levadas no Rock in Rio. “Isso não é rock”, dizia ele.

Na primeira semana do Rock in Rio havia falado aqui que estava sentido a falta das bandas de rock nacional. Não me senti incomodado com a presença de ninguém, nem mesmo com a Cláudia Leitte que pelo que li no Facebbok e no Twitter foi a mais criticada.

Disse ao amigo que ao longo desses anos todos que trabalho no rádio aprendi a gostar de música. O meu ouvido foi educado para isso, portanto apesar de alguns equívocos o Rock in Rio é verdadeiramente um grande festival de música.

Como é legal ver o Brasil realizar um festival tão charmoso. Palco extraordinário, som de excelente qualidade, grandes bandas, grandes artistas e um público simplesmente fantástico, enfim… O brasileiro sabe mesmo ser feliz, apesar de tudo.

O Rock in Rio não é um festival de rock. Tem este nome, mas verdadeiramente é um grande festival de música para todas as tribos.

E salve a música!!!!

(Foto G1 – Rogério Flausino, Ivete Sangalo, Shakira e Lenny Kravitz)

5 comentários para "Eu gosto mesmo é de música…"

  • Ana Paula

    Genial Zeca Soares. Música é música e uma prova disso é que ninguém criticou a apresentação da Orquestra Sinfônica Brasileira com os músicos do Legião Urbana. Se música clássica pode tocar com rock pq o axé não? Acho que as críticas a Cláudia Leitte não foram ao estilo de música dela e sim a pessoa mesmo. Ela tenta copiar as divas do pop e a própria Ivete. Cópia mal feita ninguém aguenta.

  • CESAR FMF

    TAMBÉM GOSTO DE MUSICA, MAIS MAIS PREFIRO O BOM E VELHO ROCK PRINCIPALMENTE O HAVY METAL TIVE O PRAZER DE ASSISTIR NO DIA 25 AO VIVO DE UMA SO TACADA O GLORIA (BR), COHHED CAIMBRA, MOTORHEAD, SLIPKNOT E METALLICA FOI BOM, CLARO QUE ESTE ROCK IN RIO NÃO FOI IGUAL A 1985, PELAS BANDAS QUE LÁ ESTIVERAM, MAIS PRA MIM COMO UM BOM VELHO ROQUEIRO FOI QUASE DEZ O SHOW DO SLIPKNOT FOI BOM DEMAIS CARA, ACHO QUE FOI O MAIOR PRESENÇA DE PUBLICO, CONCORDO COM VOCE QUANDO RECLAMA DA PRESENÇA DE POUCAS BANDAS BRASILEIRAS, POR EXEMPLO PROJETO DO ARNALDO ANTUNES O GREMIO RECREATIVO: SERIA BOM VER O ARNALDO, O LENINE, O CARLINHOS BROWN, PITTY, PEDRO LUIS, LUIS MELODIA, ANA KAÑAS, NANDO REIS, SÓ GENTE BOA, SERIA ÓTIMO UMA SUGESTÃO ASSIM COMO O ROCK IN RIO DE 1985 TORNOU CONHECIDAS O PARALAMAS DO SUCESSO, TITÃS, BARÃO VERMELHO, GANG 90, ULTRAGE A RIGOR KID ABELHA E OUTRAS SERIA BOM LANÇAMENTOS PARA O PUBLICO EM GRAL DE BANDAS DA NOVA GERAÇÃO COMO POR EXEMPLO O CW7, E OUTRAS QUE SÓ SE VÊ NA MTV. FINALIZANDO O BOM É QUE PARA OS ÚLTIMOS DIAS TEM O COLDPLAY, O GUNS N ROSES, SYSTEM OF A DOWN, PRA SE VÊ. QUANTO A SHAKIRA E IVETE SANGALO, RHIHANA, KATE PERRY, PARECE MAIS SHW PARA SAO PAULINO, EM VÉSPERA DE ESTRÉIA DE LUIS FABIANO (O PIPOQUEIRO, OU ESQUECEM DA PIPOCADA DELE E OUTROS COMPOANHEIROS CONTA A HOLANDA?) VIVA O ROCK.

  • Antonio Santos

    Eu não afirmaria que o rock in rio é hum festival de Música , e sim de elites musicais ;;;;;;; falta a presença do forro Pé de Serra, ARROcha ,Sertanejo e Bandas de forró tipo Aviões, Sacode,,,,,que são ritmos/musicas bastante tradicionais e populares no Brasil e Nordeste Brasileiro……ritmos tradicionais de outros Paises , que não tem força de midia/empresarial mundial tambem estão ausentes.

    Se fizer um levantamento de médias de publicos em shwos e festas noturnas o forro, brega e arrocha são campeoes e arrastam multidoes no Brtasil o ano inteiro….. os roqueiros atraiem grandes publicos em eventos internacionais e muito apelo de midia, apenas , além de que é hum evento anual,por isso que é concorrido , os shows de forro e arrocha, sertanejo lotam varias cidades toda semana …….

    E o nosso BOi ? ritmo pouco cobiçado do ponto de vista musical mas muito importante como mobilização social … ainda desconhecido do mundo dificilmente tera espaço, , ………..é por isso que acho que o rock in rio não é hum evento de musica e sim de elite musical , hum grande negocio pra alguns,é hum evento gerador de receitas.

    O Mundo não conhecem nossa diversidade cultural , acham que somos o Pais do Samba, , que é uma cultura Carioca vendida ao mundo como predominante no Brasil ,o que não é verdade . è a força da midia e do marketing da imprensa do Sudeste .

    De qualquer forma o evento é valido, coloca o Brasil no cenario e calendario mundial da musica

  • Ferreira do BF

    gente vamos deixar de dizer bobagens, o Rock in Rio, como mom próprio nome diz, é um Festival de ROCK,

  • Gilvanilson Laeal

    O samba in Rio é no carnaval com aquelas passistas de roupas mínimas e samba de primeira. Cláudia Leitte parecia que estava cantando pra trio elétrico. Show em palco fixo fica estranho. Ivette é louca, só quer se amostrar, mas disse umas coisas interessantes. Skank faltou uma crítica severa ao Ricardão, como são comparsas desse festival do dinheiro público e almejando contrato em eventos de grande natureza chamado Olimpíada e Copa do Mundo, a música tema de uma partida de futebol foi cantado mas passou batido nas críticas. Faltou uma vaia à CBF e por tabela à seleção do mano, afinal quem gosta de futebol, gosta de bom futebol no país da Copa.