Jogo Aberto

Goleiro
O goleiro Toni é o novo reforço do Moto. Ele desembarca em São Luís neste sábado e será apresentado à torcida no domingo, no clássico com o MAC. Toni foi goleiro do Treze-PB, equipe pela qual conquistou o título de campeão paraibano em 2010. O último clube de Toni foi o Quixadá-CE, onde disputou o campeonato cearense.

Sampaio
A delegação do Sampaio segue hoje de ônibus para Belém. De lá, viaja de avião com destino a Macapá, onde enfrenta o Trem, no domingo às 16h com um mistão. Alguns jogadores serão poupados para a partida do outro domingo, contra o São Raimundo-PA, pela última rodada.

Definido
O mistão do Sampaio para o jogo com o Trem-AP já está definido: Rodrigo Ramos; Sandro. Germano, Johíldo e Pedro Jr.; Luís Maranhão, Robson Simplício, Marcos Vinícius e Jonathan; Marcelo Maciel e Jr. Chicão. O atacante Edgar, sequer viajará com a delegação.

De novo?
Pela sétima vez, o Sampaio jogará uma partida no Campeonato Brasileiro Série D com arbitragem cearense. Avelar Rodrigo da Silva será o árbitro de Trem-AP x Sampaio-MA. Ele apitou Sampaio-MA 5 x 0 Trem-AP, em Bacabal.  Os auxiliares serão os amapaenses Enoque Costa Pacheco e Inácio Barreto da Câmara.

De olho…
O técnico Josué Teixeira não acompanhará o time do Sampaio na viagem a Macapá. A diretoria achou melhor mandar o treinador a Manaus, onde acompanhará a partida entre Nacional-AM x Cuiabá-MT. É que o Sampaio poderá enfrentar o Cuaiba-MT no mata-mata. O Sampaio já garantiu vaga na próxima fase e só precisa de mais três pontos para garantir a primeira colocação do grupo A1.

Maranhão
O atacante Bruno Chocolate deverá ser o substituto de Tupã, no clássico de domingo, às 18h, contra o Moto Club. Tupã foi expulso contra o Sampaio e terá que cumprir a suspensão. O MAC vem de uma vitória, de virada contra o Sampaio por 2 a 1.

Moto
No Moto, todos apostam em outra grande atuação do atacante Kléber Pereira. E mais esperam o comparecimento em massa do torcedor rubro-negro a exemplo do que ocorreu na estreia do Moto na Copa União contra o Cordino. Kléber marcou os dois gols na vitória por 2 a 0, contra o Imperatriz.

São José
O líder da Copa União, o São José que tem 9 pontos em 3 jogos disputados enfrenta o lanternina da competição, o Cordino, neste domingo, às 16h, no Nhozinho Santos. Os dois times vivem momentos distintos. O São José venceu todos os jogos que realizou, enquanto que o Cordino perdeu as três partidas que fez fora de casa.

7 comentários para "Jogo Aberto"

  • Hailton cruz

    ZECA QUAL O LINK PARA IMPRIMIR O CARTÃO DO CIDADÃO NO SITE DO VIVA NOTA????

    RESPOSTA: http://www.vivanota.sefaz.ma.gov.br/

  • Lucas

    Acho que o Sampaio está é facilitando as coisas para o Trem para não pegar os times do Pará lá na frente.

  • Paulo da Cohama

    Meu caro Lucas você deve se preocupar com o teu Moto e larga o meu Sampaio de mão, para subir vale tudo, inclusive comprar um juiz por 100.000,00 com fez o Paysandu contra o Sampaio lá em Codó, sai fora motense invejoso.

  • Roberto Galote

    Olha aí motenses os campeões do Brasil:
    CAMPEÃO VICE-CAMPEÃO Artilheiro
    2010 Coritiba Figueirense Alessandro (Ipatinga) – 21 gols
    2009 Vasco Guarani Élton (Vasco), Marcelo Nicácio (Fortaleza) e Rafael Coelho (Figueirense) – 17 gols
    2008 Corinthians Santo André Túlio (Vila Nova) – 24 gols
    2007 Coritiba Ipatinga Alessandro (Ipatinga) – 25 gols
    2006 Atlético-MG Sport Vanderlei (Gama) – 21 gols
    2005 Grêmio Santa Cruz Reinaldo (Santa Cruz) – 16 gols
    2004 Brasiliense Fortaleza Rinaldo (Fortaleza) – 14 gols
    2003 Palmeiras Botafogo Vágner Love (Palmeiras) – 19 gols
    2002 Criciúma Fortaleza Vinícius (Fortaleza) – 22 gols
    2001 Paysandu Figueirense Sérgio Alves (Ceará) – 21 gols
    2000 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1999 Goiás Santa Cruz Uéslei (Goiás) – 25 gols
    1998 Gama Botafogo-SP Gauchinho (XV de Piracicaba) – 13 gols
    1997 América-MG Ponte Preta Tupãzinho (América-MG) – 13 gols
    1996 União São João América-RN Maurício (Santa Cruz) – 13 gols
    1995 Atlético-PR Coritiba Oséas (Atlético-PR) – 14 gols
    1994 Juventude Goiás Baltazar (Goiás) e Mário (Juventude) – 11 gols
    1993 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1992 Paraná Vitória Saulo (Paraná) – 12 gols
    1991 Paysandu Guarani Cacaio (Paysandu) – 14 gols
    1990 Sport Atlético-PR
    1989 Bragantino São José
    1988 Inter de Limeira Náutico
    1987 Não foi disputado Não foi disputado
    1986 Não foi disputado Não foi disputado
    1985 Tuna Luso Goytacaz Guilherme (Figueirense) e Paulo César (Tuna Luso) – 6 gols
    1984 Uberlândia Remo Dadinho (Remo) – 6 gols
    1983 Juventus CSA Lima (Operário) – 9 gols
    1982 Campo Grande – RJ CSA Luisinho (Campo Grande-RJ) – 10 gols
    1981 Guarani Anapolina Jorge Mendonça (Guarani) – 11 gols
    1980 Londrina CSA Osmarzinho (Botafogo-SP) – 12 gols
    1972 Sampaio Corrêa Campinense Pelezinho (Sampaio Corrêa) – 8 gols
    1971 Villa Nova Remo Rabilota (Remo) – 4 gols
    Olha aí de novo e procura o nome do Sampaio:

    2010 ABC de Natal Ituiutaba Bruno Rangel (Paysandú) – 8 gols
    2009 América-MG ASA Marciano (Icasa) e Nena (ASA) – 8 gols
    2008 Atlético-GO Guarani Marcão (Atlético-GO) – 25 gols
    2007 Bragantino Bahia Túlio (Vila Nova) – 27 gols
    2006 Criciúma Vitória Sorato (Bahia) – 16 gols
    2005 Remo América-RN Paulinho Marília (América-RN) – 10 gols
    2004 União Barbarense Gama Frontini (União Barbarense), Vítor (Gama) e Marciano (Limoeiro-CE) – 10 gols
    2003 Ituano Santo André Nílson Sergipano (Botafogo-PB) – 11 gols
    2002 Brasiliense Marília Túlio e Wellington Dias (Brasiliense) – 11 gols
    2001 Etti Jundiaí Mogi Mirim Edmílson (Brasiliense), Jean Carlos (Etti Jundiaí) e Rodrigo Ayres (Atlético-GO) – 14 gols
    2000 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1999 Fluminense São Raimundo-AM Aldrovani (Figueirense) – 14 gols
    1998 Avaí São Caetano Kléber Pereira (Moto Clube) – 25 gols
    1997 Sampaio Corrêa Juventus Marcelo Baron (Sampaio Corrêa) – 9 gols
    1996 Vila Nova Botafogo-SP Marcelinho Paraíba (Rio Branco) – 16
    1995 XV de Piracicaba Volta Redonda Serginho (XV de Piracicaba) – 6 gols gols
    1994 Novorizontino Ferroviária
    1993 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1992 Tuna Luso Fluminense-BA Jorge Veras (Ferroviário-CE) – 9 gols
    1991 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1990 Atlético-GO América-MG Júlio César (Atlético-GO) – 10 gols
    1989 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1988 União São João Passense
    1987 Não foi disputado Não foi disputado Não foi disputado
    1981 Olaria Santo Amaro (PE) (atual Manchete Futebol Clube) Fabinho (Santo Amaro -PE) e Müller (São Borja-RS) – 5 gols

  • Alexandre Nicácio

    Olha aí Roberto Galote nos campeões do Brasil, o Kleber Pereira foi o recorde de gols 25…o cara é sensacional hein, adimita, ele é Motense e Maranhense hehe 🙂 Um grande orgulho para a Nação Motense!

  • Joaquim Aguiar

    DIZEM QUE UM GRANDE TIME COMEÇA POR UM GRANDE GOLEIRO . VAMOS VER O TONI EM AÇÃO . PRECISA VER SE ELE VINHA JOGANDO QUANDO FOI SEU ULTIMO JOGO SE ESTÁ EM FORMA SEUS REFLEXOS ETC. EM OUTROS TEMPOS O MOTO CLUBE SE CARACTERIZAVA POR TER GRANDES GOLEIROS : BACABAL ( SELEÇÃO MARANHENSE ) VILA NOVA ( UM DOS MELHORES QUE POR AQUI PASSOU ( DAQUI FOI PARA O CLUBE DO REMO) ESPANHOL,BRITO RAMOS( FOI DO BOTAFOGO ) , NEY ( DAQUI FOI PARA O CORINTIANS) ICA , ALEXANDRE , MILAGRES ,MOACYR ,RUY ESCARPINO MAIS RECENTEMENTE O OUTRO NEY .

  • ALEX MOTENSE

    Zeca,

    me tira uma dúvida: como é que estão as obras de ampliação do estádio de São José de RIbamar????

    Já faz um tempinho que esse estádio tá em obras e nunca inaugura.
    O São José vai começar a dar muito trabalho quando começar a jogar em casa de fato.

    RESPOSTA: VOU FAZER UMA MATÉRIA SOBRE O ASSUNTO.