A falta de “vontade política” com o esporte

Um fato que chamou atenção durante a cerimônia de abertura dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), esta noite, no Ginásio Castelinho. Poucas autoridades foram acompanhar a abertura da maior festa da juventude maranhense.

Além do presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo estiveram presentes os secretários da Juventude, André Campos e do Gabinete Militar, tenente coronel Vieira, os deputados Dr. Pádua e Vianey Bringel, secretário de Esporte de Imperatriz, Arnaldo Júnior e três presidentes de Federações. Foi só.

Diferentemente da concorrida cerimônia de posse no Castelão, hoje, oito meses depois parece que o “interesse” de muita gente no esporte acabou. Se não é isto o que seria então? Onde estão os “amigos” de Joaquim Haickel? Não era um evento do Governo?

A ausência de muita gente que se diz do esporte não é sinônimo de falta de prestígio do secretário, mas, sobretudo uma grande demonstração de falta de vontade política com a causa. É nessas horas que conhecemos quem só quer jogar para a torcida e usa o esporte apenas como discurso.

Mesmo assim, a Sedel fez o que era possível fazer. Por isso, a sua equipe merece de todos nós o reconhecimento. Realmente é difícil fazer melhor sem orçamento e sem interesse de quem deveria vestir esta camisa.

É dessa forma que o esporte vem sendo tratado.

Lamentável!!!

10 comentários para "A falta de “vontade política” com o esporte"

  • Riba

    Você disse tudo Zeca Soares. Falta vontade mesmo porque o Castelão está aí e o Max Barros não tem interesse de fazer nada pelo esporte. Os ginásios estão quase todos acabadoso Viva Nota não sai nunca. Ninguém ajuda o Sampaio na Série D. E tem gente que ainda diz que ajuda o esporte. Uma vergonha mesmo e parabéns por você abordar esse assunto. Diria ao secretário Joaquim Haickel que ele precisa ser mais duro e cobrar mais do governo que olhepara o nosso esporte porque até agora é tudo conversa fiada.

  • gojoba

    nao se preocupe zecao no ano que vem vai ter muita gente com vontade politica para o esporte

  • Marcelo Lima

    Nem a governadora foi Zeca?

    RESPOSTA: A GOVERNADORA NÃO FOI A NENHUM EVENTO DA SEDEL ESTE ANO.

  • Sérgio

    Vocês vão morrer esperando alguma coisa para o esporte.

  • CESAR FMF

    CARO ZECA SOARES; A DIFERENÇA DE NUMERO PRESENTE SERÁ EM 2012, VOCE VERÁ TODO TIPO DE AUTORIDADE, INCLUSIVE A INCOMPETENTE, QUANTO A PRESENÇA DA GOVERNADORA, NÃO ACHO TÃO NECESÁRIA TENDO EM VISTA QUE SEUS REPSENTANTES LEGAIS COM CERTEZA ESTAVAM LÁ MARCANDO PRSENÇA OU SEJA OS SECRETARIOS DE ESPORTE E DA JUVENTUDADE, PORTANTO NÃO HAVIA TANTA NECESSIADDE DE SUA PRESENÇA. QUANTO A ABERTURA DO JEMS, PASSANDO DE ONIBUS NA FRANCESES, NOTEI INCLUSIVE POUCA PORESENÇLA DO PUBLICO, SABE PORQUE? PORQUE ANTIGAMENTE AS ABERTURAS ERAM FEITAS NO NHOZINHO SANTOS OU COSTA RODRIGUES, IR AO CASTELINHO É MUITO COMPLICADO,

  • Paulo Bolivão

    Esse secretário é muito fraco, vou dar aqui uma ideia, de que algumas ações por meio do esporte ajudaria a diminuir a criminalidade exemplo: Transformar o parque folclórico da Vila Palmeira, em um estádio para futebol amador e vários quadras poliesportivas e ainda uma pista de caminhada e entregar aquela comunidade e bairros vizinhos, outra coisa transformar a área de kart no Castelão em um centro de estudos de excelência onde os mais jovens estudassem e praticassem modalidades esportivas, dinheiro para isso tem, extensivo a esse modelo, para o outros municípios maranhenses, ser Secretário Estadual, não é só aparecer fazendo esporte na litorânea e em eventos aqui na capital.

  • Tímon.

    Zecaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa.
    Cadê o meu comentário? Puxa tu não o postaste só porque disse que nossos políticos não têm compromisso com o esporte, sendo estes feios e barrigudos? São feios mesmo. Dá até dó. E gordos, já que a única coisa que praticam é: arremeço de leitão e cerveja na barriga; maratona para esmolar o que é do povo junto ao governo; salto, digo, pulo à distância quando são cobrados a fazer o que deveriam fazer de fato, e por aí vai. Max Barros sabe bem onde fica o Castelão – em Fortaleza, lá onde ele gosta de jantar.

    Castelão? “REST IN PEACE”.

    RESPOSTA: TENHA CALMA MEU AMIGO. EU NÃO FICO O DIA INTEIRO NO BLOG. ENTRO EM ALGUNS HORÁRIOS E NESTE MOMENTOS ATUALIZO OS COMENTÁRIOS.

  • Jair

    Zeca sobre esse comentário do Paulo nº 06, ele está correto e você não comentou porque você é puxa saco desse secretário.

    RESPOSTA: COMENTAR O QUE JAIR? ELE ACHA O SECRETÁRIO RUIM. É A OPINIÃO DELE. SE EU TIVESSE INTERESSE EM PUXAR SACO DE ALGUÉM NEM PUBLICARIA.

  • Marconi

    è preciso mesmo dotar o esporte de meios e dar o orçamento para que as coisas funcionem sem isto é impossível fazer mais e melhor.

  • Joaquim Aguiar

    MUITO BOAS AS IDEIAS DO PAULO . LAMENTAVELMENTE ALI NO CASTELÃO ATÉ PISTA DE ATLETISMO TINHA DAVA PARA FAZER MAIS QUADRAS POLIESPORTIVAS , BIBLIOTECAS ETC. FOI TUDO ABANDONADO INCLUSIVE OS ALOJAMENTOS QUE TINHAM PARA AS DELEGAÇÕES QUE VINHAM DO INTERIOR . OUTRO EXEMPLO FOI O ESTADIO ANANIAS SILVA ( FECURÃO ) FIZERAM UMA REFORMA E NÃO USAM PARA AS COMPETIÇÕES AMADORAS PASSEI POR LÁ E SENTI UM AR DE ABANDONO . MUITOS OUTROS PROJETOS PODERIAM SER VIABILIZADOS COMO OFICINAS ESCOLAS , BIBLIOTECAS ,CENTROS COMUNITÁRIOS . ESTES PROJETOS SOCIAIS DAVAM TRANQUILAMENTE PARA ENVOLVER AS INICIATIVAS PRIVADAS COMO ALUMAR E VALE QUE TEM GORDAS VERBAS PARA ESTAS FINALIDADES . O GRANDE PROBLEMA É QUE OS GOVERNANTES SÓ FAZEM OBRAS QUANDO SÃO POLITICAMENTE INTERESSANTES. AI FICAMOS NESTA.