MP solicita informações sobre a Via Expressa

No último dia 22, a governadora do Estado do Maranhão, Roseana Sarney, e o secretário de infraestrutura, Max Barros, assinaram a ordem de serviço para o início da construção da Via Expressa, que vai do bairro Renascença ao do Ipase e está orçada em R$ 100 milhões. Como obras de grande envergadura trazem impactos ambientais, o Ministério Público estadual está solicitando informações ao secretário de Infraestrutura sobre o licenciamento da Via Expressa.

As informações são requeridas pelo promotor de Justiça Luis Fernando Cabral Barreto Júnior, titular da Promotoria Especializada na Proteção do Meio Ambiente, Urbanismo e Patrimônio Cultural.

Por meio do ofício nº 211/2011, expedido em 26 de julho, o promotor solicita as seguintes informações da Secretaria de Estado da Infraestrutura: cópias das licenças prévia e de instalação emitidas pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente; Planos Básicos Ambientais (PBAs) que contemplam as medidas mitigadoras e compensatórias determinadas pelo órgão ambiental em face da intervenção em áreas de preservação permanente; Plano de Compensação Ambiental pelos danos ambientais irreversíveis causados pela obra; Consulta formulada ao Município sobre a conformidade da obra com as diretrizes do Plano Diretor.

O promotor do meio ambiente solicita ainda os projetos complementares, especialmente os de terraplanagem, do trecho que atravessa o bairro do Vinhais Velho, onde se encontra a Igreja de São João Batista, tombada pelo Estado do Maranhão, informando, em detalhes, qual a distância que terá a Via Expressa da Igreja e do Largo de São João Batista, e quais as medidas de segurança previstas para evitar acidentes com esse bem tombado durante a movimentação de máquinas e realização de aterro.

O prazo para a Secretaria de Infraestrutura responder é de 15 dia conforme determina a lei.

As informações são do Ministério Público.

4 comentários para "MP solicita informações sobre a Via Expressa"

  • Francisco Miranda

    Será que o Max Barros agora vai falar com a mesma prepotência quando respondeu na semana passada ao Prtelada. Duvido meu amigo. Pode esperar para conferir o que eu estou dizendo.

  • Joaquim Aguiar

    A VIA EXPRESSA É UMA DAS ETAPAS DE UM POSSIVEL GRANDE PROJETO QUE PODERÁ RESOLVER OS PROBLEMAS DE TRANSITO EM SÃO LUIS . O PROJETO CONSITE DA AV . METROPOLITANA ,PONTE 4º CENTANARIO E VIA EXPRESSA . O GOVERNO DO ESTADO POR SER UMA OBRA MAIS RAPIDA OPTOU EM CONSTRUIR A VIA EXPRESSA A QUAL PERCORRERÁ AS MARGENS DO RIO ANIL NO TRECHO DO RENASENÇA AO IPASE . GERALMENTE ESTAS OBRAS NÃO TEM PRESERVADO O MEIO AMBIENTE . TEM UM TRECHO ALI NOS FUNDOS DO CEUMA QUE A AGRESSÃO AO MANGUESAL E NOTÓRIA . UM OUTRO EXEMPLO GRITANTE É A AV. QUE ESTÃO CONSTRUINDO SOBRE O MANGUE NO TRECHO DA CAMBOA ,PASSANDO PELA FÉ EM DEUS , MONTE CASTELO PARALELA A LUIS ROCHA FUNDOS DO HOSPITAL SARAH E IRÁ CRUZAR COM A AV. DOS FRANCESES . QUE AS SECRETARIAS DE MAIO AMBIENTE , REPORTAGENS E ONG’S FAÇAM UMA VISITA NO TRECHO E VEJAM O QUE FIZERAM COM O MANGUE . ALÉM DO DESMATAMENTO ALI POR TRÁS ONDE ERA A NASSAU FIZERAM TIPO UMA PEQUENA BARRAGEM SOBRE O MANGUE PREJUDICANDO A IRRIGAÇÃO NATURAL DE TRECHO DO MANGUESAL SEM CONTAR COM OS RESTOS DE MATERIAIS QUE SÃO JOGADOS NAS PROXIMIDADES . O HOSPITAL SARAH QUANDO EM CONSTRUÇÃO FEZ UM BELISSIMO TRABALHO DE PRESERVAÇÃO INCLUSIVE COM UMA LIMPESA EM UM TRECHO DO CANAL COM ESTA OBRA DESTRUIRAM TUDO . MUITO PERTINENTE ESTA PREOCUPAÇÃO DO MP. O RIO ANIL VEM SENDO CASTIGADO A MUITO TEMPO . JÁ FOI PLENAMENTE NAVEGAVEL O CANAL ERA LARGO E FUNDO JÁ SUSTENTOU MUITAS FAMILIAS . MESMO CASTIGADO AINDA RESISTE TEM ALGUNS TRECHOS QUE AINDA TEM PEIXES E MARISCOS .

    Tamanho da Via:
    7.370,96 metros de extensão
    Largura de 32,75m
    3 pistas de rolamento em cada sentido com 10,5m; sendo uma exclusiva para ônibus
    Canteiro central com 4m
    2 faixas de passeio com 2m cada
    Ciclovia com 2,7m de largura
    Empregos diretos: 1.200
    Empregos indiretos: 4.500
    300 mil habitantes beneficiados

    Trajetória:
    Sítio Santa Eulália > Cohafuma > Curva do 90 >Vinhais > Cohama

    Prazo de Entrega:
    2 Anos (2012)

    Início das Obras: Agosto de 2011
    Data de Inauguração: Dia 8 de Setembro de 2012

    Fonte: http://kamaleao.com/saoluis/3140/avenida-metropolitana-ponte-quarto-centenario-e-via-expressa-em-sao-luis#ixzz1TOkJYcyW

  • Joaquim Aguiar

    ALÉM DO ASPECTO AMBIENTAL TEM OS ASPECTOS TÉCNICOS . SE EXISTE UMA AV. SUSPENSA CONSTRUIDA SOBRE O MANGUE NO TRECHO DA CAMBOA AO MONTE CASTELO COM PREVISÃO DE SE UNIR A AV.DOS FRANCES PORQUE NÃO UNIR A VIA EXPRESSA ATRÁVES DE UMA PONTE OU ALI SURGINDO NA CABECEIRA DA BANDEIRA TRIBUZI CAMBOA OU NO MONTE CASTELO NO ANTIGO PORTO DE ROMA PROXIMO AO NASSAU ? ( TEM ESTA PREVISÃO ? SE TEM AINDA NÃO DEU PARA PERCEBER NA MAQUETE ELETRONICA ) AFINAL QUANDO VÃO CONCLUIR ESTA OBRA QUE SAI DA CAMBOA AO MONTE CASTELO? SE ANALISARMOS A MAQUETE ELETRONICA DA PARA PERCEBER QUE IRÁ DESCONGESTIONAR DO RENASENÇA AO MARANHÃO NOVO . QUANDO CHEGAR ALI NA ROTATORIA DO VIADUTO DA COHAMA OS FLUXOS DE TRANSITO VÃO SE ENCONTRAR E HAJA CONGESTIONAMENTO . DO VIADUTO DA COHAMA SENTIDO ANGELIM COHAB VAI CONTINUAR A MESMA COISA ASSIM COMO DA COHAB AO RETORNO DA FORQUILHA . SERÁ UM PALIATIVO QUE FICARÁ DEPENDENDO DA AV. METROPOLITANA E DA PONTE 4º CENTENÁRIO.

  • Luis Antonio

    Esse Max é arrogante.