Nocaute no treino do Flamengo

O treino do Flamengo na tarde desta quarta-feira, no Ninho do Urubu, teve um momento de tensão. Negueba recebeu uma bola e deu um toque por cima de Willians. Quando os dois partiram em direção a bola, Willians acertou uma cotovelada no jogador, que teve que ser atentido pelo médico Marcelo Soares. Com muitas dores no maxilar, Negueba deixou o campo chorando e sem ouvir o pedido de desculpa.

Irritado com a jogada, Vanderlei Luxemburgo chamou Willians para uma conversa reservada depois do coletivo. Não é a primeira vez no ano que o treinador é obrigado a chamar atenção do volante. Em abril, o jogador faltou a um treino e irritou o treinador.

Na mesma atividade da tarde desta quarta, Galhardo foi mantido no time titular, já que Léo Moura não terá condições de enfrentar o Bahia, domingo, às 16h. O lateral ainda se recupera de dores no joelho direito. Poupado da atividade por conta de uma gripe, David Braz foi substituído por Ronaldo Angelim, mas não preocupa.

O time que começou o treino teve Felipe, Galhardo, Welinton, Ronaldo Angelim e Egídio; Willians, Renato, Bottinelli e Thiago Neves; Ronaldinho Gaúcho e Wanderley.

Ronaldinho Gáucho fez um gol em que passou por alguns adversários e concluiu bem. O jogador teve boa movimentação e arriscou chutes de fora da área. Wanderley também marcou. Deivid descontou para os reservas.

Junior Cesar, que se juntou ao grupo na tarde desta quarta-feira, apenas correu ao redor do campo na companhia de Léo Moura.

Com a ausência de Léo Moura, os titulares passaram confiança para Galhardo. Depois de o lateral acertar um belo cruzamento, ouviu os elogios de Ronaldinho Gaúcho:

– Boa, Galhardo. Isso mesmo, moleque.

Pet vai ao CT

No fim do treino, Petkovic chegou ao Ninho do Urubu para cumprimentar os companheiros. O sérvio fará sua despedida no dia 5 de junho, contra o Corinthians, pela terceira rodada do Brasileiro.

Seja o primeiro à comentar em "Nocaute no treino do Flamengo"