Jornalista preso por usar foto do Facebook

O jornalista australiano Ben Grubb foi preso, depois de divulgar uma imagem privada do Facebook para ilustrar uma matéria sobre as brechas de segurança da rede social para o jornal Sydney Morning Herald, noticia o Olhar Digital, nesta sexta-feira (20).

Grubb escrevia sobre as falhas de segurança da rede social, relatada por um perito em segurança, e acabou caindo no próprio crime que havia denunciado. Além de divulgar uma fotografia privada do Facebook, a foto em questão era de uma mulher casada com um famoso hacker da empresa de segurança Pure Hacking.”É ridículo ver que eu, o ‘mensageiro’ que relatou sobre a polícia tornar essa questão, me transformei no próprio alvo disso”, disse o repórter ao jornal australiano.

Após interrogatório da polícia, Grubb foi preso e teve seu tablet, no qual escrevia a matéria, confiscado. “A verdade é que, agora, o ambiente online é uma extensão da vida real. Se nós entrarmos neste ambiente, temos que ter responsabilidade e nos comportarmos de maneira correta”, explicou o detetive Brian Hay, ao Sydney Morning Herald.

O australiano criticou a postura da polícia em relação ao caso. “Eu acreditava que, como jornalista, teria proteção. Mas parece que não. Perder um dispositivo que contém informações não só restritas, como também de trabalho, é alarmante para um jornalista”, concluiu Ben, que já está em liberdade, mas continua sem o tablet, confiscado pela polícia.

Portal Imprensa

Seja o primeiro à comentar em "Jornalista preso por usar foto do Facebook"