A instabilidade do Maranhão

A torcida atleticana não anda nada satisfeita com o desempenho do time nos últimos jogos, apesar de figurar sempre nas três primeiras colocações desde a primeira rodada do Campeonato Maranhense 2011.

O MAC bem que poderia estar com 100% de aproveitamento. Nos três últimos jogos foram três empates e de forma incrível.

O MAC vencia o Moto por 1 a 0. Cedeu o empate, depois abriu nova vantagem e no final empatou de 2 a 2.

Contra o Iape, o MAC vencia até os 44 minutos quando levou o gol e empatou um jogo que estava ganho.

Contra o Santa Quitéria, o MAC fez 1 a 0 e outra vez cedeu o empate.

São seis preciossos pontos que, com certeza farão falta lá na frente. O campeonato é disputado em pontos corridos, portanto cada jogo é decisivo. O MAC tem 12 pontos, mas poderia liderar com grande folga (18 pontos) se não tivesse entregue a rapadura aos adversários.

A instabilidade do MAC é um ponto que preocupa a torcida e tira a paciência do técnico Arlindo Azevedo. Bastante chateado com os tropeços, Arlindo tem sido bastante criticado e reagido com certa irritação quando indagado pela imprensa.

O comandante atleticano precisa de tranquilidade para trabalhar. Tudo bem, mas a irritação com o torcedor e a forma mal educada de responder alguns questionamentos da imprensa não se justificam. Cada um está apenas fazendo o seu papel.

E não é só o Arlindo não. Outro dia, o técnico do Sampaio, Sandow Feques teve a mesma postura após duas derrotas consecutivas. Até o Cabrera que dirige o Iape, um time que quase nem tem torcida soltou os cachorros e depois pensou melhor e veio a público pedir desculpa.

Tá certo então. Fazer futebol sem querer ouvir críticas não dá. É impossível!

Só há um antídoto para isso: vencer, vencer, vencer, vencer, vencer, vencer………

6 comentários para "A instabilidade do Maranhão"

  • ARLINDO AZEVEDO

    Caro Zeca Soares, boa noite!
    Estou bastante surpreso com seu comentario a respeito de que tratei mal a imprensa, eu gostaria sinceramente que vc me diga qual foi o profissional da imprensa que eu tratei mal, até porque dei entrevista depois do jogo e no intervalo ao Noé Soares e em momento algum o tratei mal, inclusive passou a entrevista no programa do Fontenelle, estou realmente surpreso com essa informação.

    Mas nao quero entrar em polemica com ninguem, quero apenas executar meu trabalho da melhor forma possível, as vezes fico chateado com ALGUNS torcedores que ficam me insultando e insultando os jogadores que sinceramente nao merecem esse tipo de tratamento, pois são rapazer que estão trabalhando para sustentar suas familias e de forma honesta e deveriam ser respeitados como todo ser humano que esta exercendo seu trabalho com honestidade e honrando as tradiçoes do clube.
    Quanto aos jogos que vc cita, tive problemas de composição do banco de reservas, contusões, etc.

    MAC x MOTO – Perdi um atleta (Rafael Luam) no começo do Jôgo com um estiramento muscular. No intervalo nao foi possivel voltar com Deco que sofreu uma contusão, não tinha outro volante e tive que colocar um zagueiro e fiquei com apenas um volante que tambem estava contundido (Gege) e coloquei o Rafael Santos que é meia e tivemos problemas de marcação e deixamos o Moto empatar, mas foi um resultado justo pelo que as duas equipes fizeram.

    MAC X IAPE – Tivemos oportunidade de matar o jogo diversas vezes e não fizemos o segundo gol e acabamos sofrendo o gol de empate no finalzinho. Coisas que acontecem no futebol.

    MAC X S.QUITERIA – Nao tinha lateral esquerdo e tive que colocar o Otavio que é volante, trabalhei durante a semana com ele e ele foi muito bem, mas no jogo sofreu desde o inicio uma pressao muito grande de alguns torcedores que talvez não sabiam que o rapaz estava jogando improvisado e ele foi caindo de produção, fizemos 1×0 e O Meinha colocou um atacante para jogar em cima do lateral, então tirei o Edgar para recompor o setor defensivo, mas logo depois quando estava para fazer duas substituiçoes, Rone (atacante) e Romario(volante), o lateral sofreu uma contusao e tive que mudar as substituições e colocar o volante de lateral esquerdo e trocar o Rone pelo Ideilson que é um meia, para compor o setor de meio campo. sofremos o empate com um gol contra do zagueiro Marcelo.

    Mas veja vc que apesar de todas as dificuldades encontradas estamos fazendo uma campanha razoavel com as limitações que o grupo tem, no sentido de algumas posições carentes.

    Quero deixar bem claro que estou dando esses esclarecimentos em respeito a imprensa e a GRANDE MAIORIA DA TORCIDA DO MAC.
    MAS É EXTREMAMENTE NECESSÁRIO QUE A TORCIDA PASSE CONFIANÇA AO GRUPO PARA QUE ELES JOGUEM TODO O FUTEBOL QUE SABEM!!

    ARLINDO AZEVEDO

    RESPOSTA: A ENTREVISTA QUE VOCÊ SE REFERE FOI EDITADA. O REPÓRTER FEZ UMA PERGUNTA A VOCÊ E INFELIZMENTE EM MEIO À CHATEAÇÃO EPLAS RECLAMAÇÕES DO TORCEDOR VOCÊ REAGIU DE MANEIRA NADA ELEGANTE, MAS ENTENDO A PRESSÃO QUE O TREINADOR SOFRE E NÓS DA IMPRENSA TAMBÉM. SOU CONHECEDOR DO SEU TRABALHO E SEI DAS DIFICULDADES QUE ENFRENTA NO MAC, MAS É PRECISO CABEÇA FRIA GRANDE ARLINDO AZEVEDO.

  • ARLINDO AZEVEDO

    CARO ZECA SOARES, ESTOU SURPRESO COM SUA POSTAGEM POIS NÃO TRATEI NENHUM MEMBRO DA IMPRENSA MAL, INCLUSIVE A ENTREVISTA PASSOU NO “FONTENELLE COMENTA”, QUANTO AOS TORCEDORES EU ESTAVA MAIS CHATEADO ERA COM OS INSULTOS CONTRA O LATERAL ESQUERDO E QUE ESTAVA DESESTABILIZANDO O RAPAZ, TAMBEM ACHO QUE ALGUNS TORCEDORES DO MAC ESTÃO SENDO MUITO INJUSTOS QUE OS ATLETAS QUE PROCURAM FAZER O MELHOR PELA EQUIPE HONRANDO AS TRADIÇÕES DO CLUBE. E PRECISO PASSAR CONFIANÇA E TRANQUILIDADE A ESSES ATLETAS PARA QUE VOLTEM A RENDER TODO O FUTEBOL QUE ELES SABEM.

    AGORA QUANTOS AOS PTS PERDIDOS NO CAMPEONATO,
    QUANTOS PTS O MOTO TERIA?

    E O S. QUITERIA?

    E O SAMPAIO?

    E O IMPERATRIZ?

    E O IAPE?

    RESPOSTA: A ENTREVISTA QUE VOCÊ SE REFERE FOI EDITADA. O REPÓRTER FEZ UMA PERGUNTA A VOCÊ E INFELIZMENTE EM MEIO À CHATEAÇÃO EPLAS RECLAMAÇÕES DO TORCEDOR VOCÊ REAGIU DE MANEIRA NADA ELEGANTE, MAS ENTENDO A PRESSÃO QUE O TREINADOR SOFRE E NÓS DA IMPRENSA TAMBÉM. SOU CONHECEDOR DO SEU TRABALHO E SEI DAS DIFICULDADES QUE ENFRENTA NO MAC, MAS É PRECISO CABEÇA FRIA GRANDE ARLINDO AZEVEDO.

  • audileia

    Realmente o grande problema é alguns vândalos que vão ao campo dizendo ser torcedor.Xingamentos é normal,mas tudo tem limite.E ninguem empurra um time pra frente assim.

  • Joaquim Aguiar

    ESTADIOS PEQUENOS E SEM SEGURANÇA OFERECEM ESTAS SITUAÇÕES .OS TREINADORES , ATLETAS ATÉ A IMPRENSA FICAM VULNERÁVEIS . O NHOZINHO SANTOS NÃO OFERECE NENHUMA SEGURANÇA NOS ACESSOS AOS VESTUARIOS E BANCO DE RESERVAS ,QUALQUER HORA DESTAS UM DESTES FANATICOS INVADE E AGRIDE QUALQUER UM ALI DENTRO . HOJE NÃO SE TORCE MAIS ,MUITOS VÃO AOS ESTADIOS PARA BRIGAREM AGRIDIREM . NOSSO FUTEBOL ESTÁ PASSANDO POR UMA SERIA CRISE OFERECE ESTAS SITUAÇÕES DE DESCONTENTAMENTO .TORCER ,COBRAR MELHORIAS É UMA COISA ,AGREDIR É OUTRA COISA . NO CASTELÃO ISTO NÃO ACONTECERIA .

  • Joaquim Aguiar

    O HORIZONTE ESTÁ EM PLENA ASCENSÃO SE PESQUISAREM O HISTORICO DO CLUBE DE 2004 QUANDO SE PROFISSIONALIZOU PARA CÁ ,SÃO SÓ CONQUISTAS . VIRAM ONTEM NO ENGENÃO O ELENARDO ,SILIOLÉ ( Nº 9 ) ISAC E UM BOM LATERAL ESQUERDO QUE ELES TEM ? JOGAM CERTINHO . NÃO DAVA MESMO PARA O EDIGAR SER TITULAR OS HOMENS DE FRENTE SÃO ALTOS FORTES COM BOA MOVIMENTAÇÃO .VIRAM AQUELE CORTE SECO QUE O SILIOLÉ DEU NO DAVID QUE RESULTOU NO PENALTI?

  • Joaquim Aguiar

    GOSTO DO TRABALHO DO ARLINDO MAIS ALGUMAS VEZES ELE COMO OUTROS TREINADORES RESISTEM EM OUSAR MUDANÇAS . ESTOU VENDO O MAIOR DILEMA AI NA ALA ESQUERDA ,GERALMENTE QUASE TODO ALA DIREITO JOGA TAMBÉM NA ESQUERDA , VOLANTES JOGAM DE ALA . DESLOCA O DENILSON PARA A ESQUERDA E COLOCA O DECO NA ALA DIREITA ALI NO MEIO TÁ CHEIO DE VOLANTES ( ROMARIO ,ROBSON ) KD O REGIS .JÁ VI O PROPRIO ARLINDO EM OUTROS TEMPOS ESCALAR O RICARDO DE ALA , VI NO MAC O DILTON JOGANDO DE ALA . VI EM UM JOGO DO BARCELONA EM QUE O TREINADOR MONTOU UMA LINHA DE 04 ZAGUEIROS . O FUTEBOL ESTÁ MUITO FLEXIVEL . O MEINHA ESTA USANDO UM ESQUEMA ONDE O HERALDO É UM PSEUDO ALA ESQUERDO EM ALGUNS MOMENTOS APARECE O DIEGO .