Contra o racismo

Em grande evento na manhã desta quinta-feira, na Sede Náutica da Lagoa, o Vasco lançou a nova terceira camisa. O goleiro Fernando Prass, o zagueiro Dedé e o apoiador Bernardo foram os modelos escolhidos e desfilaram com o novo uniforme. A estreia vai acontecer na partida contra o Bangu, dia 3 de abril, válida pela sexta rodada da Taça Rio, às 16h, em São Januário.

A terceira camisa faz alusão ao histórico time que ficou conhecido como Camisas Negras. Na época, o Vasco foi o primeiro clube grande a permitir negros em seu elenco no Brasil, entre 1923 e 1924, negando a solicitação da federação, que pedia a retirada de 12 jogadores negros do time. No lado esquerdo do peito da camisa, há a imagem de uma mão espalmada em preto e branco. E, na gola, estão escritas as palavras “Inclusão” e “Respeito”.

Leia mais no Globoesporte.com

3 comentários para "Contra o racismo"

  • joao pedro

    Boa iniciativa do vasco, mais vamos para o que interessa, QUE É O JOGO DO MOTO, POR ONDE VAMOS ACOMPANHAR ESTOU SEM RADIO NO MOMENTO.

  • Tímon.

    O Vasco da Gama também deveria ser homenageado. Explico: Foi o primeiro grande clube a aceitar negros em seu elenco. Por isso mesmo foi afastado a pedido do Flamengo e do Fluminense do campeonato carioca de 1923. Pois é, por ironia do destino ou falta de memória que é comum neste país de analfabetos e desinformados, multiplicou-se a torcida do que viria a ser seu maior rival – O Flamengo justamente com os negros que tanto abominava (e com uma bela ajuda da REDE GLOBO na década de setenta, isso sem deixar de mencionar a era Zico). Por outro lado, Fluminense e Grêmio eram times da elite e foi seria natural a execração, bem como o Coritiba. Assim, o que o Vasco está fazendo é só lembrando ao povo brasileiro, negro e mestiço, que ele representa também este povo e, com efeito, muito mais historicamente. Parabéns aos vascaínos. Vcs, neste ponto, tem muito o que se orgulhar.

  • Vitorioso

    Inclusão e respeito ?

    A camisa custara 200,00 reiais , acho contraditório a frase na camisa com este preço, é logico que a classe baixa não terá acesso a uma camisa com este custo. O marketing futebolistico é essencial, certamente ira vender muito com esta frase, a classe alta, lógico ….enquanto os clubes Maranhenses não verem o marketing como fonte de renda irá ficar neste marasmo por muito tempo .

    ..