Após eleição, deputado pode deixar o Imperatriz

O presidente do Imperatriz, o deputado estadual eleito Léo Cunha decidirá neste sabado se continua ou não no comando do Cavalo de Aço.

O dirigente adiantou ao BLOG que está há cinco anos no clube e se sente desgastado. Além disso, Léo Cunha alegou que as coisas no futebol do Maranhão não andam e que nada muda na Federação Maranhense de Futebol.

– Nós vamos nos reunir com o povo e a imprensa neste sábado, às 9h e vamos tomar uma posição. Eu acho que há um desgaste após cinco anos no clube e as coisas que não mudam na Federação, mas vamos discutir e decidir tudo amanhã – explicou.

Léo Cunha alegou também que no próximo ano, com a implantação do programa Viva Nota pelo governo do Maranhão não ficaria bem para ele, como deputado estadual defender a utilização de recursos públicos pelo clube do qual é o presidente.

Então tá!!!

Em tempo

No sábado, Leó Cunha cumpriu a promessa e renunciou à presidência do Imperatriz.

4 comentários para "Após eleição, deputado pode deixar o Imperatriz"

  • Francisco Carvalho(Imperatriz Ma-)

    O sr. Léo Cunha, já vai tarde. nós esperavámos mais dele como presidente, mais nos enganamos, o que ele queria mesmo era ser deputado e conseguiu tudo bem,mais para a Sociedade Imperatriz de Desportos ele contribuiu muito pouco.ele sempre foi um presidente muito distante das causas do clube. por ex. os patrocinadores que tinham quando ele assumiu, todos deixaram o clube por sua causa ou por causa da sua maneira de administrar. um presidente fechado, que ñ procurava parceria, que só falava que ninguém queria ajuda-lo.mais como? se ele mesmo ñ dava chance para isso acontecer.ele queria que os patrociníos fossem até ele, enquanto que é ao contrário.também prometeu um terreno que seria a sede social do clube, só converssa fiada nada disso aconteceu. a torcida organizada (fiel cavalina) conseguiu um terreno com o governo do estado. pergunte a ele se ele foi pelo menos olhar o mesmo? um homem desses que quando o clube estava fazendo jogos importante pelo campeonato brasileiro da série d de 2007. ele ficava sabes se lá onde. então por essas e outra é que eu digo ele já vai tarde.divulguem por favor, obrigado.

  • Paulo

    Os clubes de futebol não podem receber recursos do Estado, porém esses nobres deputados que não representam o interesse do povo podem, eles se elegem e os clubes ficam largados, dinheiro público, uma parte pequena tinha sim que ser revertido para os clubes.

  • Ramon Mendes-Cavalino

    Ai siiim eu vi vantagem….Tem que sair mesmo…

    Vamos que vamos Cavalo

  • FRANCISCO GAGLIANONE

    É SEMPRE ASSIM…ESSE FILME É VELHO, SÓ MUDAM OS ARTISTAS!!! E A IMPRENSA AMESTRADA QUANDO ESSA TURMA ASSUME A PRESIDÊNCIA DE UM CLUBE BATE PALMAS E DIZ…AGORA VAI!!!

    RESPOSTA: É VERDADE O QUE VOCÊ DIZ. ESPERO QUE APRENDAM DEFINITIVAMENTE.