MAC vacila, e o Bacabal vence de virada: 2 a 1

No papel, parecia ser um confronto fácil. Era o duelo entre o Maranhão Atlético, que começou o domingo na segunda colocação do Campeonato Maranhense, contra o Bacabal, simplesmente o lanterna do Estadual. Os três pontos eram tidos como certos pelos atleticanos, mas, dentro de campo, foi o Leão do Mearim quem venceu, e de virada no Estádio Nhozinho Santos: 2 a 1.

Mas a importante vitória dos visitantes, que deixaram a última colocação e ainda respiram para fugir do rebaixamento, só foi conquistada aos 43 minutos do segundo tempo, quando Jonatan arriscou, e o goleiro Baby, que até fazia uma boa partida até então, falhou. Após a falha, o MAC não encontrou forças para chegar ao gol de empate e saiu de campo derrotado, mesmo tendo tido mais oportunidades para marcar que o rival.

Tanto, que o jogo foi dominado quase sempre pelo Maranhão Atlético. O MAC era melhor e criava boas chances de marcar. E, aos 10 minutos, uma das chances virou realidade. Rafael Luan recebeu na área após jogada de Tico Mineiro e abriu o marcador: 1 a 0.

O MAC continuava melhor em campo e criava oportunidades para ampliar. Mas quando parecia que a bola ia entrar, não entrava. Teimava em ir para fora ou esbarrava no goleiro do Bacabal.

E tanta teimosia tinha uma explicação. Aos 34 minutos, Rodrigo invadiu a grande área e bateu na saída de Baby, que nada pôde fazer. Era o empate do Bacabal: 1 a 1.

O resultado persistiu no restante da primeira etapa. Na volta do intervalo, o cenário do jogo parecia o mesmo. O MAC criava chances e desperdiçava as oportunidades de gritar “gol”. E, mais uma vez, a teimosia da bola puniu o Maranhão.

O Bacabal arriscou mais nos dez minutos finais. Na primeira tentativa, Baby defendeu. Mas, na segunda, o próprio Baby entregou o gol após chute de Jonatan. Resultado da falha: Maranhão 1 x 2 Bacabal.

Classificação e próximos jogos

Com o resultado, o Maranhão permanece com 23 pontos e viu a distância para o líder Iape (29 pontos) aumentar. Agora, o MAC terá de vencer seus jogos e torcer para tropeços dos rivais para levar o título. E, a recuperação maqueana poderá ser na próxima quinta-feira, quando o MAC recebe o Nacional.

Já o Bacabal, também volta a campo na quinta-feira, onde enfrenta o Imperatriz, no Estádio Correão. Agora, o BEC soma 10 pontos, contra 8 pontos do Viana, que também luta desesperadamente para fugir do rebaixamento.

Por Paulo de Tarso Jr.

Uma resposta para "MAC vacila, e o Bacabal vence de virada: 2 a 1"

  • josé Carlos lObato oliveira MAQUEANO

    Zeca, eu queria muito que no MAC tivesse um cara que nem o Rodrigo Ramos, pois é um cara que vibra e sempre tá afim de ganhar, comento isso porque a impressão que dá é que os jogadores MAQUEANOS não tem vontade de ganhar, não tem ganância de ganhar, parece que a derrota é uma coisa normal e tudo isso passa pelo Arlindo também. Esses jogadores pensam que estão prejudicando só o clube, mas tão prejudicando a si próprios, pois certamente pensam em jogar em um São Paulo da vida, em em um milan, Real Madrid, Bayer de munique, mas desse jeito não vão jogar nem no Piauí e no Tocantins. Não gosto de nenhum técnico local, mas pelo menos o meinha é um cara que participa do jogo e não fica de braços cruzados como se nada tivesse acontecendo.
    Espero que ano que vem se faça algo diferente, que contrate um Clemer da vida, que é um cara que sempre tá afim de ganhar e trabalhou com grandes treinadores..
    Tupã tá muito fraquinho, Rafael Luan não é jogador para jogar em um time profissinal. Agora, um cara que critiquei muito na copa união foi o Francisco Júnior, mas com toda razão, porém ele tá sendo o melhor neste 2º semestre, o irmão dele é ruim demais, cara não acerta um cruzamento…