O dia seguinte…

E o Moto repercute negativamente outra vez. Menos de 24 horas após ser anunciado como novo treinador do Moto Club, Dirceu Mattos desistiu de comandar o time rubro-negro e seguirá para a Armênia.

O “novo treinador” teria desistido de vir para São Luís após ser informado sobre a crise administrativa e financeira do clube.

– Eu havia acertado tudo com ele. Estava tudo certo e nós iríamos formar uma equipe para ser campeã maranhense, mas depois de ouvir as informações através de um programa de rádio daí de São Luís, o Dirceu falou comigo e disse que havia recebido uma proposta irrecusável da Armênia e que não iria mais – explicou o novo diretor de futebol, Artur Carvalho Filho.

Por telefone, o dirigente pregou a “união” no clube e disse que vai aguardar a reunião envolvendo membros da Junta Governativa e do Conselho Deliberativo para saber qual o futuro do Moto.

– Não dá para dizer muita coisa. Eu vou primeiro aguardar o resultado desta reunião e sinceramente espero que eles se entendam para o bem do clube – adiantou.

Seja o primeiro à comentar em "O dia seguinte…"