Ficou para dezembro…

Adiado para o dia 3 de dezembro o julgamento do escândalo de armação de resultados nos jogos da 2ª divisão do Campeonato Maranhense. A sessão na Comissão Disciplicinar do Tribunal de Justiça Desportiva chegou a ser iniciada, mas foi suspensa depois que o advogado Lecílio Estrela, que defende o Viana, alegou que o clube não recebeu nenhuma notificação para que preparasse a defesa como estabelece o artigo 107 do CBJD, uma vez que o clube foi denunciado pelo procurador do TJD que pediu a eliminação do Viana do futebol.

O procurador Hugo Leonardo Veiga da Silva pediu ainda a eliminação do Chapadinha e dos jogadores que participaram do escândalo dos 11 a 0. Eles poderão levar um gancho de 120 a 360 dias. O árbitro Edilson Santiago também foi denunciado pelo descumprimento às regras e também poderá ser suspenso (30 a 120 dias).

 O Moto Club também foi denunciado por atraso de jogo e pode ser multado em R$ 1 mil por minuto. O time rubro-negro ainda foi denunciado pelo procurador pela participação na 2ª divisão. Segundo Hugo Leonardo, a inclusão do Moto feriu o Estatuto do Torcedor.

2 comentários para "Ficou para dezembro…"

  • ARNALDO

    BOTA LOGO OS 4 JA BAGUNÇOU MESMO……

  • Adailton

    Esse futbol maranhense jutamente com tribunal com federação, temos que jogar no vaso sanitário e dar descaga.