Cabrera prega “tranquilidade” no Iape

Sem desespero. O técnico Paulo Fernando Cabrera disse que o Iape terá mais noventa minutos para garantir o título e a vaga para a Copa do Brasil 2010, na decisão de domingo, às 17h, no Estádio Nhozinho Santos contra o Sampaio. Ele adiantou ao BLOG que é hora de muita conversa com o grupo.

– Não há mais nada a ser feito tecnicamente, o que podíamos fazer foi feito durante a competição. Agora é o psicológico de cada um dos jogadores para isso até a participação da família é importante – adiantou.

Cabrera disse que apesar da vantagem do empate do Sampaio, o Iape terá muita tranquilidade e não será uma equipe desesperada.

– Vamos correr atrás do resultado, mas sem desespero. Aqui tem jogador que nunca ganhou um título, diferentemente do Sampaio que é uma equipe formada por jogadores bastante rodados, mas nós estamos no páreo.

O técnico Cabrera disse que viveu uma situação semelhante quando esteve no Náutico ao lado do técnico Muricy Ramalho (atualmente no Palmeiras).

– Lá em Recife todos diziam que o Náutico nadava, nadava e sempre morria na praia. Lembrei este exemplo ao jogadores e mostrei que não chegamos até aqui por acaso e eles estão muito determinados. Eles já tem a responsabilidade de ter que vencer o jogo, agora o que não pode faltar é força de vontade e espírito de luta. Domingo é o dia da verdade. Vamos correr atrás do resultado, mas sem desespero – disse.

Para a decisão de domingo, Cabrera perdeu o zagueiro Hans Muller e o volante André Ramos. Ele afirmou que a partir desta terça-feira começa a definir os substitutos.

Seja o primeiro à comentar em "Cabrera prega “tranquilidade” no Iape"