Goleiro admite que Paysandu jogou na retranca

A dois jogos de conquistar o tão sonhado acesso no Campeonato Brasileiro da Série C, o Paysandu pretende largar na frente do Icasa nas quartas-de-final da competição. O jogo de ida acontece neste domingo, em Belém, e para chegar com tranquilidade à segunda e decisiva partida, o elenco do time paraense está consciente de que precisará atacar.

“Dessa vez, ao contrário do que fizemos contra o Sampaio, nós teremos que partir para o ataque e buscar a vitória. Temos que ter muito cuidado, jogar com muita raça e tentar fazer o resultado para consolidar a classificação no jogo da volta, na casa deles”, afirmou o goleiro Paulo Wanzeler, que ganhou a vaga de Rafael Córdova no decorrer do campeonato.

O técnico Válter Lima ainda não definiu o time que começa jogando. O único desfalque é o zagueiro Bernardo, expulso no último jogo, qe deve ser substituído por Luciano.

Em contrapartida, o atacante Torrô está de recuperado de contusão e deve ser relacionado para o jogo. Inclusive, não está descartada a escalação do jogador desde o início, deixando o time com três atacantes. Outra opção é a saída de Michel para a sua entrada.

Agência Futebol Interior

Seja o primeiro à comentar em "Goleiro admite que Paysandu jogou na retranca"