Em Codó, Sampaio quer iniciar reação

O Sampaio enfrenta o Rio Branco-AC precisando vencer para continuar na luta pela classificação para a próxima fase do Campeonato Brasileiro Série D. Na última colocação com apenas 4 pontos, o time maranhense ainda terá outros dois jogos além da partida de hoje, por isso, no Tricolor ninguém que ouvir falar em rebaixamento para a 4ª divisão.

O jogo de hoje será realizado no Estádio Renê Bayma, em Codó por conta da punição imposta pelo STJD. Embora na última quinta-feira, a punição da perda de um mando de campo e a multa de R$ 10 mil tenham sido anuladas não havia mais tempo para a CBF mudar o local da partida.

O clima em Codó é o melhor possível. A torcida local promete locar o estádio e incentivar o Sampaio. Grande número de torcedores da capital também seguirá com destino a Codó.

O técnico Edson Porto já confirmou a escalação do atacante Jacques ao lado de Gabriel formando a nova dupla de ataque. O time não terá o zagueiro Robinho que terá que cumprir suspensão. O substituto será Johíldo.

Equipes:

Sampaio

Rodrigo Ramos, Fernandinho, Johíldo, Leandro e Eloir; Cristiano, Marcinho e Kléo e Diney; Gabriel e Jacques.
Técnico – Edson Porto

Rio Branco

Douglas; Ley, Rodrigo, Jean Carioca, Renatinho; Zé Marco, Ismael, Neném, Testinha; Rogério Tarauacá e Gleidson
Técnico – Everton Goiano

Local – Estádio Renê Bayma (Codó)
Árbitro – Wladyerisson Silva Oliveira (CE)
Auxiliares – Thiago Gomes Brigido (CE) e Marcione Mardônio da Silva Ribeiro (CE)
4º Árbitro – Mayron Frederico dos Reis Novais (MA)

Seja o primeiro à comentar em "Em Codó, Sampaio quer iniciar reação"