Tocantins

De maneira surpreendente, o técnico paraense Nélio Pereira deixou o comando do Tocantins, representante de Tocantins na Série D do Campeonato Brasileiro, que estreia domingo contra o Cristal, em Macapá, às 16 horas. Ele simplesmente entregou o cargo ontem de manhã, sem dar muita explicação ao superintendente do clube, Jair da Silva. A reportagem tentou falar com o treinador ontem, mas seu telefone celular não estava ligado. Nélio Pereira chegou ao Tocantins na primeira semana de junho, quando começou trabalhar com o elenco junto com vários jogadores do Tiradentes, contratados pelo clube por sua indicação.

Na noite de terça-feira passada, o time fez um jogo treino contra o Miracema, em Miracema. Mesmo com o resultado de 0 a 0 o técnico avaliou que a partida foi positiva, em especial por causa da boa movimentação da sua equipe. E anteontem, o Tocantins realizou um treinamento no campo da Morada do Sol. Na ocasião, Nélio Pereira conversou com a imprensa local e revelou que o time estava praticamente definido para a estreia, faltando apenas a decisão sobre uma vaga no meio campo, pois um dos titulares (Ronimar) sofreu uma queda na terça-feira e está em tratamento médico.

Mas, ontem de manhã, Nélio Pereira deixou o comando técnico do Tocantins, pegando todo mundo de surpresa. Ele foi lacônico ao afirmar apenas que não dava mais para seguir a frente da equipe. Agora, o Tocantins corre em busca de outro treinador. O grupo tem 24 jogadores. Apenas Rômulo e Lucas participaram da campanha desastrosa no Estadual. A maioria foi contratada do futebol do Amazonas. A provável equipe para estreia terá André; Roberto, Samir e Flávio; Lima, Davi, Geovane (Ronimar), Kevisson e Léo (Guajará); Léo Oliveira e Kanu.

O Liberal

Uma resposta para "Tocantins"

  • Fabiano

    Zeca,
    O noticiário daqui de Imperatriz diz que o Sandow Feques vai assumir o Tocantins na série D do brasileiro. Agora ele estar entre a Suecia e Tocantins. Um abraço Zeca.