Série D: Pantera confia na força da torcida

O São Raimundo começa hoje a sua semana decisiva para a estreia no Campeonato Brasileiro da Série D. Em meio a todos os percalços que o clube vem enfrentando para participar da recém-criada competição nacional, todos os insucessos acumulados durante a inter-temporada tem que ser “colocados para escanteio” e o foco principal deverá ser o acesso à Série C de 2010. E desde já o torcedor santareno está sendo conclamado para estar em peso no próximo domingo (5), a partir das 17h, no Barbalhão, incentivando a Pantera Mocoronga a começar o torneio com o “pé direito” contra o Moto Club (MA).

O sucesso da torcida do São Raimundo veio junto com a participação histórica do clube no Campeonato Paraense 2009. Com a boa campanha feita durante os dez jogos do primeiro turno em Belém, o Barbalhão prometia “tremer” no segundo turno com os santarenos fazendo todas as suas partidas em casa. E o sucesso foi tamanho que suplantou a dupla Re-Pa em número de torcedores nas arquibancadas.

Em nove jogos realizados no “Colosso do Tapajós”, o alvinegro levou uma massa de apaixonados que chegou a 92.376 pessoas. O maior público registrado no Barbalhão no Paraense foram 16 mil pagantes. E se falando em renda então, não a nada o que reclamar, pois ela foi milionária. Tirando os inúmeros descontos, os jogos da Pantera deram um montante de R$ 1.093.654 milhão. Então, para quem diz que a Quarta Divisão não possui seus “louros”, a arrecadação, dependendo da situação do time, pode gerar uma boa receita ao clube.

Então, torcida alvinegra, prepare-se. Se na capital paraense o Paysandu é chamado de “Avalanche Bicolor” e o Clube do Remo de “Fenômeno Azul”, está na hora do torcedor santareno ser apelidado de “Força Alvinegra”. Os gritos de incentivo vindo do Barbalhão podem significar uma saída para um momento ruim do time no gramado de jogo. Está na hora de o torcedor de Santarém mostrar que não está aí à toa, e que o futebol do interior está ressurgindo para dias melhores no cenário do futebol do Estado.

Diário do Pará

2 comentários para "Série D: Pantera confia na força da torcida"

  • james magno

    são raimundo 2 x0 moto club anote ai

  • pc boliviano

    Zeca não vou mais me manisfetar no teu blog, haja vista que é capaz de se regridir intelectualmente, debatendo assuntos com alguns analfabetos como esse Sr James Magno de Imperatriz, moleque que não se identifica chamado torcedor e esse tal de tiago fúria de Bacabal, cansei de debates com o sentimento de ódio, sem argumentos que contribuísse para o melhoramento do nosso futebol. Obrigado !