Figueirense pega o Avaí no clássico catarinense

Um não vence há quatro rodadas. O outro, tropeçou nas últimas duas partidas. Dessa maneira, o clima no clássico desta quinta, entre Figueirense e Avaí, não é outro senão o de busca por recuperação. As equipes se enfrentam no Orlando Scarpelli, às 18h15m (horário de Brasília), pela sexta rodada do Campeonato Catarinense. Do lado do Alvinegro, que só conseguiu vencer na estreia, a expecativa é a de que o clássico seja um recomeço na temporada. Na equipe avaiana, a novidade é o meia Marquinhos. O jogador conseguiu liberação na Justiça e no STJD e está à disposição do técnico Silas.

Oitavo colocado do campeonato estadual, com apenas cinco pontos em cinco jogos, o Figueirense vive à beira da crise. O time venceu apenas na primeira rodada do Catarinense – 4 a 0 sobre o Tubarão – mas, depois da boa estreia, amargou dois empates e duas derrotas. A diretoria alvinegra garante que o técnico Pintado não corre risco de ser demitido, no entanto, o pensamento geral é usar um bom resultado no clássico para reerguer o Figueira na temporada.

Em semana de mistério e treinos secretos, o técnico Pintado não confirma a escalação, mas promete surpresas táticas para a partida. O treinador alvinegro pode promover mudanças no ataque. Schwenck pode ganhar vaga no time titular, ao lado de Rafael Coelho, deixando Bruno Santos no banco. O jovem Ricardinho também é opção. Certa, mesmo, é a presença do lateral-direito Anderson Luis. O jogador foi julgado por expulsão contra o Brusque e pegou apenas um jogo de suspensão, já cumprido contra o Joinville.

No Avaí, o técnico Silas também fez mistério durante os treinamentos para o clássico na casa do rival. Em semana de esperança por reecontrar a vitória depois de duas rodadas sem conquistar três pontos, a boa notícia ficou por conta da liberação do meia Marquinhos. O jogador conseguiu, na Justiça do Trabalho, a liberação do Iraty, do Paraná, para assinar contrato com o Leão. Marquinhos também teve suspensão – pela confusão com o Corinthians na Série B – transformada em pagamento de cestas básicas e está livre para atuar. O Avaí conseguiu, também, a liberação do volante Pingo, no entanto, sua presença em campo não é certa.

Além de esconder a escalação, o treinador avaiano também sofre com jogadores machucados. São sete jogadores com participação no clássico ameaçada: Rafael, André Turatto, Eltinho, Uendel, Ferdinando, William e Evando. Desse modo, quem deve ganhar uma oportunidade no time titular é o lateral-esquerdo Renan, revelação do Avaí na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Com o titular Eltinho contundido e o reserva Uendel fora de forma, a vaga deve cair no colo do jovem.

Leia mais

Seja o primeiro à comentar em "Figueirense pega o Avaí no clássico catarinense"