Figueirense só empata e jejum continua

O jejum de vitórias do Figueirense continua e começa a ficar preocupante. Na tarde deste domingo, debaixo de muito calor e no péssimo gramado do Complexo Esportivo de Timbó, a equipe alvinegra ficou no 0 a 0 com o lanterna Metropolitano, pela quinta rodada do primeiro turno do Campeonato Catarinense. O resultado deixa o Figueira muito perto da zona de rebaixamento, com cinco pontos, na sétima posição. O Metrô continua em último lugar, agora com três pontos. Caem para a Segundona do ano que vem os dois times que somarem menos pontos somando os dois turnos.

O próximo duelo do Figueirense é o clássico com o Avaí, na quinta-feira. O Metropolitano encara o Joinville, fora de casa, no mesmo dia.

Veja a classificação do Campeonato Catarinense

Jogando de uniforme dourado, o Figueira quase abriu o placar em duas oportunidades seguidas. Aos quatro minutos, Anderson luís cruzou para Jairo na área chutar para fora. Logo depois, Bruno Santos recebeu um bom passe, mas o estado irregular do gramado ajudou o atacante Bruno Santos e isolar a bola. O time da casa também teve a sua chance aos sete, com Felipe Oliveira cruzando para Barbieri, que errou ao cabecear sozinho. No rebote, Acerola desperdiçou.

O Alvinegro chegou a balançar as redes aos 20. Jairo cobrou falta pela esquerda, e Régis, impedido, completou para o gol. A arbitragem anulou corretamente. Aos 34, o Figueira quase marcou sem querer: ao fazer um lançamento, a bola foi com muita força e bateu no travessão. Em seguida, o Metrô perdeu sua melhor chance com Felipe Oliveira, que partiu em velocidade, driblou Régis e o goleiro Wilson, mas ao completar, viu o zagueiro alvinegro tirar em cima da linha.

Os times voltaram para o segundo tempo sem a mesma inspiração do primeiro. Aos três minutos, Bruno Santos chegou com perigo na área pela esquerda, mas foi desarmado na hora de concluir. Aos 20, Roger arriscou um chute de longe e acertou a trave do time da casa. O mesmo Régis acabou falhando feio aos 27, deixando a bola nos pés de Felipe Oliveira. Ao tentar consertar, o goleiro Wilson chutou torto, mas conseguiu afastar o perigo. O Metropolitano apareceu bem aos 33, com Acerola chutando cruzado pela direita. Wilson fez excelente defesa.

O técnico Pintado resolveu botar o atacante Ricardinho em campo, no lugar de Jairo. Ele entrou muito bem e criou duas oportunidades seguidas ao Alvinegro. Primeiro aos 37, chutando com perigo pela direita, com Tiago defendendo. Em seguida, arrumou uma bola dentro da área, mas chutou para fora. Apesar do esforço, o jogo ficou sem gols desgastado gramado de Timbó.

Leia mais no Globoesporte.com

Seja o primeiro à comentar em "Figueirense só empata e jejum continua"