Árbitro de BEC e Palmas suspenso por 30 dias

josepaulo150708capa.jpgA Série C do Campeonato Brasileiro está vivendo a sua primeira polêmica. Isso porque no jogo realizado no último domingo, dia 13 de julho, o árbitro da partida em que Bacabal Esporte Clube, do Maranhão, bateu o Palmas Futebol e Regatas, de Tocantins, por 3 a 1, José Paulo da Silva cometeu um erro quanto à aplicação da regra do futebol.

Em uma cobrança de pênalti a favor do Bacabal, convertida pelo jogador Tico Mineiro, um companheiro de equipe invadiu a área antes que o atacante executasse a cobrança. Ao invés de mandar repetir o pênalti, como manda a regra, o árbitro anulou a cobrança. Para piorar a sua situação, após o jogo, José Paulo da Silva deu entrevistas afirmando que a regra havia mudado e que ele estava correto em sua marcação. Porém, essa mudança nunca houve.

O Procurador-Geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Dr. Paulo Schmitt, já requisitou o tape deste lance e enviará um ofício à Comissão Nacional de Arbitragem.

Com isso, o árbitro deve ser denunciado no artigo 259 (Deixar de observar as regras da modalidade) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), cuja pena é uma suspensão de 30 a 120 dias. Na reincidência, a suspensão vai de 120 a 240 dias.

Por outro lado, o Presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Dr. Sérgio Corrêa da Silva, em medida administrativa, já suspendeu o árbitro por 30 dias. Além dele, os assistentes Antonio Ferreira de Souza e Diego Farias Paiva e o quarto árbitro Jorge Luis Viana da Silva também estão suspensos pelo mesmo período.

Dr. Sérgio Corrêa, que já encaminhou um ofício às Federações informando a decisão e explicando as regras em relação a cobranças de pênaltis, explicou o motivo pelo qual suspendeu também os assistentes e o quarto árbitro.

“Eles poderiam ter interferido no lance. Deveriam ter avisado ao árbitro o equívoco cometido”, disse ao site Justicadesportiva.

Fonte: Rodrigo Mendes, Justiça Desportiva

5 comentários para "Árbitro de BEC e Palmas suspenso por 30 dias"

  • Paulo

    Até que enfim uma boa notícia sobre o futebol maranhense.

    O “cara” vem lá da “caixa prego”, anula um gol legítimo do meu BECÃO Maravilha, e ainda dá entrevistas dizendo que a regra mudou? Faça-me um favor né velhinho… Tá pensando que aqui no Maranhão tem trouxa? Ou tava com má intenção à mando da “Mãe Sandu” para prejudicar nosso clube? Te prepara melhor ô mané, se não tu não vai apitar nem a pelada no meu condomínio. Francamente…

    “… a regra mudou…” Fala sério.

  • cleber

    QUE SIRVA DE EXEMPLO PRA ALGUNS ARBITROS AQUI DO MARANHÃO QUE TAMBEM TEM A PRATICA DE FAZER LAMBANÇAS ESPECIALMENTE QUANDO É UM JOGO ENTRE O SAMPAIO E UM TIME DO INTERIOR …

  • Sampaio torcedor

    Aguenta, Bacabinha, outro árbitro cearense já foi escalado(nesta terça) para o jogo contra o Águia.

    Saudações boliviana, último resultado Bolivão 3 a 1 no Bacabinha (2008)
    Bolivão 4 x 2 no Bacabosta (2008)
    Bolivão 9 x 0 no Bacajanela (2002)
    Zebra que acontece de 100 em 100 ano Bolivão 2 x 4 BecEleição (2007)

  • Carlos Costa

    Prezado ZECA;

    A Arbitragem do Futebol Maranhense está de mal a pior.
    Além de não estarem sendo escalados nem para a Série C do Campeonato Barsileiro, exceto para bandeirar jogos no Maranhão, ainda são penalizados por uma lambança feita por um árbitro cearence. A decisão que esse árbitro cearence tomou no lance polémico do pênalti, e de inteira responsabilidade dele, e mesmo que os seus auxiliares lhes ponderasse sobre o erro, acho que ele não mudaria sua decisão, pois naquele momento, estava muito convicto da decisão tomada.
    Portanto, não concordo com a pena importa aos auxiliares, e, mesmo que fossem penalizados, teria que ser uma pena bem menor que a do árbitro, que foi o responsável direto por tudo isso.
    Que o Departamento de Arbitragem do Maranhão faça uma reflexão de todo esse momento, pis é díficil entender porque árbitros de Rodônia trabalham até na Série A do Brasileiro e os do Maranhão não trabalham nem ne Série C, e ainda são taxados como co-responsáveis por decisão de um árbitro cearence, que parace ser bem pior do que os daqui.
    Não acredito que o árbitro do jogo de domingo, contra o Águia, mesmo sendo cearence, vá cometer erros gorsseiros e que possam ser prejudiciais ao BEC no resiltado final.
    Pena que o Fernando, que é de Bacabal, esteja envolvido nessa lambança e tenha sido suspenso tambem. Eu o considero um bom auxiliar.

    BECÃO rumo a Série B de 2009.

  • THIAGO

    É TORCEDOR DO TRICOGAY, VC Ñ LEMBRA DOS RESULTADOS NO CORREÃO. TA COM UM BOM TEMPO Q O BECÃO Ñ PERDE NOS SEUS DOMINIOS. VCS TRICOGAYS CONHECEM A FORÇA DO CALDEIRÃO. FURIA DO MEARIM A MAIOR DO MARANHÃO.