São Paulo vence e retorna ao G4

O São Paulo precisava vencer para voltar ao G-4 do Paulistão, depois de ser beneficiado pela derrota do Corinthians para o Santos e pelo empate entre Ponte Preta e Rio Claro. E conseguiu o objetivo pelos pés da dupla Borges e Adriano. O Tricolor derrotou o Sertãozinho por 3 a 1, no Morumbi, embora ainda deva o bom futebol que todos querem ver.

Agora, o anfitrião tem 32 pontos e a terceira posição. O visitante segue com apenas 15 pontos, em 18º, na zona de rebaixamento. Na próxima rodada, que acontece neste fim de semana, o São Paulo enfrenta o Bragantino fora de casa, e o Sertãozinho encara o líder Guaratinguetá, também fora. Os dois jogos são no domingo.

Futebol devagar, mas Borges agita

A surpresa do técnico Muricy Ramalho foi a escalação do jovem Rafael na lateral direita. O treinador colocou os três atacantes que pretendia – Dagoberto, Borges e Adriano – para tentar furar a defesa fechada do visitante no Morumbi. Logo aos quatro minutos, o Imperador cabeceou pertinho da trave de Lauro e levou perigo.

Depois disso, o que se viu foi um anfitrião um pouco devagar em campo. Mas, apesar de não encantar o torcedor, o São Paulo abriu o placar aos 23 minutos. A aposta de Muricy, Rafael, arriscou um chute rasteiro. Lauro espalmou, e Borges, no rebote, completou para a rede. Oitavo gol do “Trabalhador” no Paulistão.

No início do segundo tempo, alguns torcedores até protestaram contra o ritmo lento da partida. Mas a dupla mais eficiente do São Paulo na temporada entrou em ação. Aos 16, Adriano deu um passe perfeito pelo meio para Borges, que, dentro da área, balançou a rede do Sertãozinho. O atacante foi engraxar a chuteira do Imperador como forma de agradecimento. E, aos 24, foi a vez de Adriano comemorar o seu gol: após cruzamento de Dagoberto, ele deu uma cabeçada certeira, sem chances para Lauro. E também procurou Borges para comemorar, desta vez com um beijo na cabeça do companheiro.

O Sertãozinho ainda diminuiu aos 29, em um bobeada da defesa tricolor. Pinheiro cruzou da esquerda e Geílson cabeceou para o gol. Muricy não gostou nada da cochilada tricolor. O visitante ainda teve um gol anulado. E Adriano assustou Lauro com uma bomba em cobrança de falta. A torcida até ensaiou gritos de “olé”, mas queria ver espetáculo do time todo, e não apenas de poucos jogadores.

Fonte: Globoesporte.com

Seja o primeiro à comentar em "São Paulo vence e retorna ao G4"