Ricardo Alves cai, Djalma Campos assume

Além da queda do técnico Hércules Verzon, a derrota do Sampaio para o São José por 4 a 3 também provocou o afastamento do Superintendente de Futebol, Ricardo Alves responsável pela contratação do treinador e montagem do elenco.

O clima não seria dos melhores entre o presidente Sérgio Frota e Ricardo Alves por conta dos dois resultados negativos obtidos na Taça Cidade – o que provocou o afastamento do dirigente.

Por telefone, Ricardo Alves disse que partiu dele o pedido de afastamento.

– Conversei com o Sérgio e disse que iria me afastar um pouco e parar para pensar se é isso mesmo que eu quero. O Sérgio é meu agigo pessoal e entre eu e ele não há qualquer problema. Ouvi a opinião dele e defendi o meu ponto de vista. Não há nada entre nós. Eu não vou dar nenhuma entrevista agora porque às vezes você acaba dizendo coisas que não deveria dizer. Por isso é melhor parar para repensar tudo – disse.

Ricardo Alves disse que assume a responsabilidade pela escolha da comissão técnica e jogadores.

– Eu já vi a torcida pedir para o presidente do Sampaio (na época de Manoel Ribeiro) pedir a contratação do Arturzinho. Ele trouxe e o Sampaio foi rebaixado sob o comando do Arturzinho. Nem por isso ele deixou de ser um grande treinador – lembrou.

Perguntado se iria ao estádio acompanhar o clássico contra o Moto, Alves foi rápido.

– Não sei ainda, mas acho que não. Eu acredito no grupo e acho eles vão dar essa vitória à torcida – finalizou.

Para o lugar de Ricardo Alves a diretoria já teria convidado Djalma Campos, ex-jogador do clube que assumira o cargo de diretor de futebol.

2 comentários para "Ricardo Alves cai, Djalma Campos assume"

  • Anônimo

    Agora ele volta ao “Lar doce Lar”…de onde não deveria ter saído para mostrar mais uma vez a incompetência em gerenciar, dirigir ou ter qualquer outra função no futebol. Recolhe-se a insignificância,para poder exercer sua magnânime função…e em sua plenitude. E também ter mais tempo de escolher outra pessoa para bajular com falácias num espaço que ele inventou: “O Futebol das Letrinhas”, de onde nunca se erra e, o melhor, NUNCA SE PERDE. E Quem sabe encontra outro otário que acredita em “Coelhinho da Páscoa???

  • Anônimo

    Hoje o sampanha fica definitivamente fora da taça, com apenas 3 jogos no ano já vai ter q tirar férias..ahuahuahu vai jogar só o maranhense no segundo semestre!!! l
    Carlos Jr.