Um problema que parece não ter fim

Somente depois que a Rádio Mirante AM descobriu que o Estádio Lucídio Frazão, em Chapadinha, interditado para reformas pelo Ministério Público, ainda não estaria pronto para a realização de jogos de futebol foi que a Federação Maranhense de Futebol bateu o martelo e confirmou a partida para São Luís, nesta quinta-feira, às 18h30, na preliminar de Sampaio e Comerciário.

Diante da informação procuramos a diretoria do Moto que já estava a caminho da Federação. Lá, eles decidiram aceitar a partida para esta quarta-feira. Melhor para Moto e Chapadinha. Vão diminuir outro prejuízo ao evitar a rodada isolada.

É sempre assim. A Federação nunca se antecipa e o torcedor fica a ver navios. A tabela do nosso campeonato é confirmada jogo a jogo. O campeonato está terminando e as mudanças na tabela continuam. Nunca se sabe a tabela completa. E os clubes aceitam tudo passivamente. A sensação que tenho é que isso não vai acabar nunca. Aliás, vai acabar com o fim desta temporada e recomeçar com o início da outra em 2008.

Uma resposta para "Um problema que parece não ter fim"

  • Anônimo

    Você está absolutamente correto Zeca. Essas coisas precisam acabar em nosso futebol.