Kléber Pereira, o Incendiário da Vila

Com oito gols em dez jogos pelo Santos, no Brasileirão 2007, o atacante Kléber Pereira já está fazendo jus a um apelido que ganhou quando era artilheiro do Atlético-PR, em 2001: O Incendiário. E é justamente a sua ex-equipe que ele espera incinerar na próxima quinta-feira, às 20h30m, na Vila Belmiro.

Kléber guarda boas lembranças do Atlético-PR e da torcida, que o apelidou (embora o relacionamento dele com os fãs do Furacão nem sempre foi cordial). Agora, porém, só pensa em ajudar o Peixe. Por enquanto, sua relação com a torcida santista é excelente. O número de comunidades criadas por alvinegros em homenagem a seu novo artilheiro não pára de crescer.

– Estou vivendo uma boa fase. Espero continuar marcando gols e tendo esse carinho da torcida – comenta o Incendiário da Vila.

Em casa

O artilheiro diz que está se sentindo muito bem no clube e em Santos e, por isso, tem rendido tão bem. Após passar cinco anos morando no México, na cidade de Águas Calientes, uma cidade turística, sem estresse, o jogador comemora o fato de morar na Baixada Santista. Ele tinha proposta para atuar no Palmeiras, mas deixa claro que, além do bom contrato oferecido pelo Peixe, o fato de ficar fora do agito de São Paulo pesou em sua decisão.

– São Paulo é como a Cidade do México. Muito carro, muita poluição. Tenho dois filhos e eles estão adorando Santos – afirma.

Fonte: GloboEsporte.com

Seja o primeiro à comentar em "Kléber Pereira, o Incendiário da Vila"