Fórmula 1

O inglês Lewis Hamilton bem que tentou superar seu companheiro na McLaren, mas Fernando Alonso voltou a ser o mais rápido na segunda sessão de treinos para o GP de Mônaco, realizada nesta quinta-feira. O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, voltou a ter dificuldades e terminou apenas na sexta colocação.

Alonso fez sua melhor volta em 1m15s940, superando o finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari. O espanhol vinha sendo pressionado por Hamilton, até que a agressividade e a inexperiência do atual líder do Mundial fizeram com que ele se chocasse violentamente na barreira de pneus quando se preparava para diminuir seu tempo. Com a batida, o inglês ficou com o terceiro lugar.

O incidente com Hamilton foi o primeiro de muitos que atrapalharam a vida dos pilotos na segunda sessão. Anthony Davidson, Heikki Kovalainen, David Coulthard, Adrian Sutil e Ralf Schumacher também bateram em Monte Carlo.

Fonte: Globoesporte.com

Seja o primeiro à comentar em "Fórmula 1"