REALIDADE

Você planta aquilo que colhe

Como nos últimos anos, a participação do Sampaio na Copa do Brasil foi bem rápida. Durou apenas um jogo. O Fortaleza já vencia por 3 a 1, aos 29 minutos do 1º tempo. Resultado que o time cearense administrou durante todo o 2º tempo até o Sampaio tombar mais uma vez.

No futebol como em tudo na vida “você planta aquilo que colhe”. E o Sampaio colheu mais uma derrota, derrota que sempre começa fora de campo com os inúmeros problemas que não convém nem relacionar.

Falta dinheiro, patrocínio, organização, mas sobretudo falta credibilidade em todos os segmentos que fazem o futebol no Maranhão. Esse é o raio “x” de um futebol que não precisa de médico para dizer que o paciente está morrendo.

Não será a derrota para o Fortaleza que vai afastar os torcedores do estádio. Eles já não comparecem aos jogos e não é de hoje. Agora começamos estamos perdendo aqueles que habitualmente chamamos de “testemunhas”. Eles também não aguentam mais. Sinceramente basta chegamos ao fundo do poço.

5 comentários para "REALIDADE"

  • Anônimo

    Concordo com tudo que vc escreveu Zeca. Todos os segmentos do futebol precisam ser renovados. É por aí o começo do recomeço.

  • Anônimo

    Olha, não é o descobrimento da pólvora. Nem tampouco saber o responsável pelo Holocausto. Mas todos nós, – os senhores da Imprensa Ludovicence, sabiam – tinha certeza de que o Sampaio não passaria nem na sobra do Fortaleza. Quero aqui de público, parabenizar os Jornalistas: Zeca Soares, Roberto Fernandes e o baluarte do Radio Am, do Programa “Abrindo o Verbo – Geraldo Castro”. pela forma com que abordam a questão do futebol do maranhão. Não tem papa na lingua. E sem paixão fazem seus comentários, e mostram o que está errado no futebol do nosso estado. No dia em que deixaria essa FRESCURA DE DIZER “FULANDO É DO INTERIOR”, com bairrismo. E deixarem aquele que for melhor VENCER. Ai sim, teremos representantes de igual nivel futebolistico… e que não darão vexame ao nosso povo maranhense. Taí o resultado dessa molecagem do SC com a conivencia da FMF. ( Um abraço – Juscelino Lucena – da Câmara Municipal de Imperatriz – torcedor do mais querido da Região Tocantina)

  • Hugo Saraiva

    Primeiro, parabéns pelo blog… Segundo, concordo em gênro, número e grau… Infelizmente o futebol maranhense está na UTI. O único remédio é patrocínio, investimento, dinheiro…. Não adianta querer inventar fórmulas, chaves, quadrangulares e afins sem investir, primeiro, nas equipes.. A seguir nesse ritmo, eu vejo um futuro negro ara o futebol do Maranhão.

  • Anônimo

    Zeca,

    Você foi absolutamente perfeino na análise. Vou continuar indo ao estádio. Gosto do nosso futebol e as coisas precisam mudar para melhor.

  • Anônimo

    Não aguento mais o Manoel Ribeiro, José Alberto, Edivaldo e companhia no Sampaio. Eles estão atrapalhando o Mais querido e poderiam pedir para sair. Chega de gabunça no Sampaio.