Será que o estádio está encolhendo?

?

Esse negócio de arrecadação nos jogos de futebol no Maranhão virou mesmo caso de polícia. Nenhum torcedor que esteve ontem no Estádio Nhozinho Santos e acompanhou o empate de 1 a 1 entre Moto e Sampaio acredita que lá estavam apenas 5 mil 331 pagantes e 958 não pagantes. Basta você ver as imagens na televisão para tirar as suas próprias conclusões.

A divulgação do público provocou a reação dos dirigentes de Moto e Sampaio. “Houve um roubo na arrecadação”, afirmou o diretor de futebol do Sampaio, José Alberto de Moraes Rego. “Ninguém acredita que aqui tinha só isso”, disse Raul Menezes, diretor do Moto.

Se o público real foi esse mesmo não tenho dúvida nenhuma em afirmar que o Nhozinho Santos que possui a capacidade para 22 mil pagantes está encolhendo. Fazendo uma continha bem simples e rápida 6 mil 197 pessoas estiveram ontem no Nhozinho Santos. Se a capacidade é de 22 mil pagantes, então pergunto: onde colocar mais 16 mil pagantes?

Pergunto isso porque estou preocupado com o que pode acontecer no domingo. O público que foi ontem vai voltar porque viu um grande jogo e um gol sensacional marcado pelo artilheiro Jurandir, do Sampaio. Além disso, acredito que muita gente decidiu economizar uma grana e deixou para assistir a segunda partida.

Alguém explica?

O que está acontecendo?

Isso é caso de polícia!!!!!

Uma resposta para "Será que o estádio está encolhendo?"

  • FÁBIO BARROS

    Caro Zeca,
    Não é novidade o que o nobre colega escreve! A solução é bem mais simples: aplica-se o estatuto do torcedor, pois deveria haver no estádio câmeras monitorando todos os portões de acesso e, principalmente, o setor de bilheterias e das catracas. Mas acha-se aí uma “alma” para levar o assunto a diante?
    Abraço, Fábio Barros.