Para reflexão

Em certa ocasião, houve uma enchente muito grande m um povoado que ficava abaixo do nível do rio. Neste povoado morava um sujeito extremamente cristão e temente a Deus.

As águas começaram a subir assustadoramente a ponto de encobrir as casas, todos os moradores começaram a abandonar a região, menos ele.

Quando a água atingiu sua casa, ele subiu para o telhado e ficou aguardando.

Passou um cidadão nadando com uma bóia nas mãos e disse:

Venha comigo que ajudo a te salvar, vamos..

Ele disse: não se preocupe, Deus vai me salvar.

O rapaz insistiu, mas foi em vão, então, seguiu nadando para tentar salvar outras pessoas.

Logo após passou um rapaz em um barco e disse também:

Venha que vou ajudá-lo.

Ele disse: não se preocupe, Deus vai me salvar.

O rapaz insistiu, mas também foi em vão, então também partiu para salvar outros moradores em perigo.

Por fim passou um Helicóptero e o piloto gritou:

Venha você vai morrer, vou salvá-lo.

Ele, firme, resistiu, não se preocupe, pois Deus vai me salvar.

O piloto insistiu e, vendo a recusa do cidadão e o perigo eminente partiu para socorrer outros moradores.

A água subiu, cobriu o telhado e o cidadão morreu afogado.

Chegando ao Céu foi recebido por Deus.

Ele reclamou: Senhor, fui tão dedicado a fé, acreditei tanto no Senhor e, quando precisei, deixou que morresse.

Deus então disse: Meu filho, mandei para te salvar um rapaz nadando, um barco e por fim um Helicóptero, não quiseste, infelizmente, não pude evitar.

Quanta vezes Deus nos dá a chance de nos salvar-mos, de encontrar um outro caminho e, cegos em nossas convicções, as ignoramos.

Pense nisso.

* Recebi esta mensagem da Fernanda Rufino e gostaria de deixá-la aqui para nossa reflexão.

Seja o primeiro à comentar em "Para reflexão"